24.4 C
São Paulo
quarta-feira, 19 janeiro 2022
spot_img

Yamaha YZF-R1: nova moto vence Mundial de Endurance em Suzuka

A nova Yamaha YZF-R1 não só vence a emblemática corrida japonesa, como conquista o primeiro e terceiro lugar no Campeonato Mundial de Endurance 2017 em fim de semana histórico.

Yamaha_YZF_R1_endurance_32

Assessoria de Imprensa Yamaha
Fotos Divulgação

Yamaha YZF-R1: nova moto vence Mundial de Endurance em Suzuka

Yamaha mais uma vez escreveu uma linha na história do motociclismo mundial. Além da Equipe Yamaha Factory Racing vencer pela terceira vez consecutiva a famosa e emblemática corrida 8 Horas de Suzuka – disputada no Japão –, a equipe GMT94 Yamaha Official EWC, em uma corrida estratégica, faturou o título de campeã do Mundial de Endurance, competição essa que se destaca por exigir ao máximo a perícia e resistência de pilotos e suas máquinas.

Yamaha_YZF_R1_endurance_2

Depois de ser a mais rápida nos treinos e largar em primeiro, a Equipe Yamaha Factory Racing teve um iníco de prova difícil, com o piloto japonês Katsuyuki Nakasuga perdendo a liderança. Contudo, o herói local se recuperou e assumiu novamente a ponta após 16 voltas. Nakasuga manteve-se focado e imprimindo um forte ritmo até o fim de seu turno, quando passou a Yamaha YZF-R1 a seu companheiro de equipe Alex Lowes. O jovem britânico não só se manteve na ponta, como abriu uma boa vantagem com mais de 4 segundos sobre as equipes rivais.

O terceiro piloto a assumir o guidão foi Michael van der Mark. A situação que já era favorável para o holandês, que pilotava determinado a aumentar a vantagem, ficou ainda tranquila quando a moto de número 634, que ocupava a segunda posição, sofreu um acidente que deu à Equipe da Yamaha uma vantagem ainda maior.

A partir daí, o trio nunca mais foi incomodado na competição, mantendo um ritmo superior a ponto de quebrar o recorde de volta mais rápida por duas vezes, primeiramente com 2:07.402, e depois com incrível tempo de 2: 06.932.

Ao cruzar a linha de chegada com uma volta de vantagem sobre os outros competidores, a belíssima e poderosa YZF-R1 azul da equipe oficial Yamaha, levou aos delírio os milhares de fãs japoneses, escrevendo uma página histórica em Suzuka: a segunda vitória tripla consecutiva conquistada por uma equipe. Nakasuga foi ovacionado pelos torcedores ao se tornar o primeiro piloto japonês a ganhar o Suzuka 8 Horas três vezes seguidas.

Além de desafiadora, a prova válida pelo Campeonato Mundial de Endurance foi a última e decisiva etapa da temporada 2017 foi um verdadeiro teste de paciência para a Equipe GMT94 Official EWC.

A equipe começou a corrida largando em 15º lugar com Niccolò Canepa ao guidão da YZF-R1. Apesar das condições difíceis, com chuva intermitente em alguns trechos do circuito de Suzuka, o piloto italiano lutou bravamente na busca por melhores posições. Seu companheiro veterano, David Checa, ao assumir a moto, manteve o ritmo definido por Canepa na primeira hora da competição.

Yamaha_YZF_R1_endurance_4

A medida que as horas passavam, a equipe francesa conseguiu reverter a situação com voltas consistentes. O objetivo, diferente dos ponteiros, não era vencer a corrida, mas administrar a diferença dos pontos em relação aos seus rivais para um bem maior. Mesmo cruzando a linha de chegada na 11ª posição, a Equipe GMT94 Official EWC foi a grande vencedora do campeontato!

Por fim, completando os feitos da Yamaha em Suzuka, a Equipe YWR YARTHA mais uma apresentou um resultado constante, se posicionando entre a principais equipes do Campeonato. A prova disso é que o quinto lugar conquistado na etapa japonesa, deu à equipe o honrado trofeu de terceiro lugar no Campeonato Mundial de Endurance 2017.

Yamaha_YZF_R1_endurance

Resultados: Suzuka 8 Hours Race

1 – Yamaha Factory Racing Team – Nakasuga/Lowes/VD Mark – 216 voltas.
2 – Kawasaki Team – Green – Watanabe/Haslam/Kamaruzaman – 216 voltas – Diferença: 2:09.52.
3 – F.C.C TSR Honda – Aegerter/De Puniet/Hook – 215 voltas – diferença: 1 volta.
4 – MuSASHi RT HARC – PRO Honda – Takahashi/Miller/Nakagami – 214 – Diferença: 2 voltas.
5 – YART Yamaha Official EWC Team – Parkes/Nozane/Fritz – 212 voltas – Diferença: 4 voltas.
6 – Honda Dream Racing – Koyama/Iwato/Yamaguchi – 212 voltas – Diferença: 4 voltas.
7 – Yoshimura Suzuki Motul Racing – Guintoli/Brookes/Tsuda – 212 voltas – Diferença: 4 voltas.
8 – Satu HATI Honda Team Asia – Pratama/Zaidi/Wilairot – 211 voltas – Diferença: 5 voltas.
9 – MotoMap SUPPLY FutureAcces – Waters/Aoki/Konno – 211 – Diferença: 5 voltas.
10 – Honda Dream RT SAKURAI – HONDA – Mizuno/O’Halloran/Stauffer – 211 voltas – Diferença: 5 voltas.
11 – GMT94 Yamaha Official EWC Team – Checa/Canepa/Di Meglio – 210 Voltas – Diferença: 6 voltas.

Related Articles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


− 3 = um

 

Stay Connected

22,566FãsCurtir
3,122SeguidoresSeguir
19,100InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles