24.4 C
São Paulo
domingo, 5 dezembro 2021
spot_img

Suzuki Boulevard M800 na Estrada!

Estamos de volta com a “Obra de arte” Suzuki Boulevard M800. Já testamos esta máquina antes, e você pode conferir nossa opinião e mais detalhes, mas agora vamos focar o uso em estrada desta bela máquina.

Suzuki boulevard M800

Fotos: Edgar Rocha

Texto: J. Dionysio

Suzuki Boulevard M800 na Estrada!

Gostaria de abrir um “em tempo”, para contextualizar o leitor com as características deste piloto que tem alguns cabelos grisalhos, porte médio, peso em torno dos 80 kg e com muitos km’s rodados. Os resultados que apresento refletem o ponto de vista de um usuário experiente e exigente, não de um piloto que busca tirar o máximo do equipamento em desempenho, embora, é claro, estes entram também no critério, evidentemente, compatível com a experiência deste, juntamente com o prazer, conforto, segurança e o desempenho nas várias situações cotidianas, oferecendo ao leitor parâmetros para uma futura compra ou  simplesmente satisfazer a curiosidade.

Um belo dia de sol, estrada tranquila, intenso o trânsito, mas tranquilo para os dias de hoje, proporcionando várias ultrapassagens e momentos de descontração. Nossa máquina se comporta bem, é prazerosa para os pequenos trajetos e harmoniza com o visual que a região oferece.

Suzuki Boulevard M800 na Estrada!

Como dissemos em nosso primeiro teste, esta Suzuki Boulevard M800 contempla os  mais baixinhos, já quem tem estatura de média a alta, pode encontrar algum desconforto em trechos mais longos, com a posição das pernas e a altura do banco em relação ao solo. Temos pouca opção de relaxar ou trocar de posição para descansar e evitar câimbras, o que pode incomodar bem.

Falando do garupa, este foi o principal problema encontrado. O banco é bem pequeno (ou será que a garupa que é avantajada?) Brincadeiras a parte, a altura do assento faz com que os joelhos do garupa fiquem na altura da cintura, desconfortável tanto para o próprio como para o piloto. Neste ponto entram os acessórios que poderiam ajudar, como apoio para as costas, Santo Antônio, etc.

DSCN1351

A aerodinâmica é um ponto de destaque e importante, pois rodando em velocidade compatível, oferece uma sensação gostosa do vento no rosto, sem cansar muito. Ponto para o design, o atrito é pequeno.

Os 53 Hp de potência empurram bem a Suzuki Boulevard M800, andar a 120 km não é problema, como a algumas das suas concorrentes da mesma faixa, dá para acompanhar tranquilamente o fluxo com sobra de potência, tanto nas acelerações quanto nas retomadas o bi cilíndrico segura bem.

Chegando em São Paulo, após o teste, fui surpreendido por  uma das piores chuvas que já tivemos na Zona Sul. Várias ruas alagadas, mas a Suzuki Boulevard M800 se mostrou corajosa em situações de muita água. Depois de passarmos por centenas de carros parados, nos deparamos com um rio por onde deveríamos rodar.

Suzuki Boulevard M800 na Estrada!

Por alguns instantes analisei a situação, era muita água, mas de repente um Gol BX engata a primeira e encara a correnteza… não deu outra, aproveitei a marola, primeira, rotação nas alturas e mandamos água para os lados, e como foi água… passamos de boa. Esta beleza nem chiou, maravilha… mais um ponto positivo.

Claro, passei porque estava a 4 quadras da minha casa e conheço muito bem o pedaço. Aqui vale lembrar aos mais afoitos a importância da cautela, pois são muitas as bocas de lobo que ficam sem suas respectivas tampas, o que podem provocar graves acidentes.

Concluindo nosso teste: viagem solitária, tranquila, gostosa, aprovada. Engarupado ela se mostrou eficiente quanto a motor e freios, embora sem os indispensáveis ABS, mas peca no quesito conforto.

Suzuki Boulevard M800 na Estrada!

Related Articles

7 COMENTÁRIOS

  1. Ví no YouTube uma Boulevard 800 chegando com muita facilidade aos 200Km/h. Ela sustenta velocidade de cruzeiro de 140 km com muita facilidade, e com baixos giros.
    E ela não quebra nem a marretadas.

  2. tem uma 2013. e ando a 120 e 140 km sem esforço. do moto . com garupa na estrada tranquilo. eu não sou de corre. e primeiro q o propósito desse tipo de moto não e corrida deixa isso para as esportivas.

  3. Caro amigos tenho uma Boulevard m800 2007 e digo pra vocês ja dei nela 190km
    Como disseram para o Pedro Felipe dos 140km essa velocidade e pra você andar
    tranquilo sem forçar a máquina.
    Abç!
    Reginaldo.

  4. Estou pensando em comprar uma Custom. A Boulevard M 800 me agrada, mas, todos falam que a velocidade final dela está em torno de 140 KM. Se for isso, a minha velocidade de cruzeiro( 110 km/h)
    vai ficar prejudicada. Estou procurando uma moto que ande nessa velocidade sem necessitar de giros altos. O barulho de motor esguleado, e ou vibrações pelo alto giro, me incomoda muito e me estressa na viagem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


5 × nove =

 

Stay Connected

22,566FãsCurtir
3,043SeguidoresSeguir
18,800InscritosInscrever
- Advertisement -spot_img

Latest Articles