Fabricante chinesa lança moto com motor da BMW

Motor da BMW

A fabricante chinesa Loncin, responsável pela produção das motos BMW na China, está com uma parceria com a empresa alemã. Juntas elas estão fabricando o modelo Loncin CR-9, que acompanha o motor da BMW G 650 GS.  O modelo de 650 cm³ vem com um motor monocilíndrico de 47 cv de potência a 6.500 rpm e torque de 6,1 kgf.m a 5.000 rpm. Mas, conforme um acordo feito entre as marcas, a moto não poderá ser vendida fora da China.

A Loncin é uma das maiores empresas privadas da China, especializada em motores, motociclos e peças. Fundada em 1996, o Grupo Loncin tem cerca de 5.000 trabalhadores e uma produção anual que excede os 2 milhões de motocicetas.

Motor da BMW

Autor: André Garcia

Compartilhe

10 respostas

  1. o Brasileiro tem preconceito com a china,acho que devemos muito a china com produtos cada vez melhor e mais barato propocionando as brasileiro ter acesso a motos e carros compretos com preços ascecivel desbancando essas marcas tradicionais esproradoras

  2. Estão falando, tomara q venha pro BRASIL… kkkkkkk
    Pelo visto não leram a matéria, né? Principalmente o trecho que diz: “Mas, conforme um acordo feito entre as marcas, a moto não poderá ser vendida fora da China.”

  3. Bela moto.

    Não me importo se é um monocilíndrico de baixa potência.

    O importante é o acesso da Loncin na tecnologia BMW.
    Isso acaba sendo um divisor de águas pra Loncin, pois a mesma adquiri uma experiencia aprimorada, que se fosse desenvolver sozinha levaria anos.

    “HOJE” só poderia vender na China, “AMANHÔ já estarão exportando mundo afora.

    E que venha para o Brasil. Eu quero é uma invasão chinesa nas médias também.

    Se Honda e Yamaha não tem competência pra baixar preços, que vá explorar em outro pais, basta com esse roubo das médias cilindradas.

    O MUNDO COMPRA 600cc com preço de 250cc brasileras.

    1. disse tudo: o preconceito brasileiro é o mais hipócrita do mundo… “vamos reclamar de um país que tem mais tecnologia que o nosso”…

      é óbvio que a china tem muitos problemas com bugigangas e falsificação: mas não se pode generalizar também….

      enquanto isso somos explorados de tudo quanto é forma sem uma industria nacional decente… e pagamos lucros exorbitantes pra montadoras e concessionárias….

Deixe um comentário

LEIA TAMBÉM

PUBLICIDADE

COLUNISTAS

Luan W Crepaldi

Luan

De analista de sistemas a criador de conteúdo, aos 35 anos resolvi tirar habilitação para motos e a paixão me pegou.

Juliana

42 anos, criadora de conteúdo e apaixonada por motociclismo. A frente da BestRiders a 3 anos, participando de cada detalhe.

1.836

Seguidores

5.040

Inscritos

PUBLICIDADE