Yamaha XJ6 N: O buldogue de quatro cilindros

10
1448
Yamaha XJ6 N

Yamaha XJ6 N… Opa, mais uma naked para teste. Que noticia boa! Foi essa sensação ao receber o comunicado da redação do Best Riders. É sempre bom testar coisas boas e agradáveis, só um detalhe atrapalhou bastante, a chuva! Como choveu estes dias. Mas os testes têm que ser feitos, então mão na massa, ou melhor, nos manetes e capa de chuva no lombo.

Yamaha XJ6 N

Yamaha XJ6 N: O buldogue de quatro cilindros

Texto: J. Dionysio
Fotos:  J. Dionysio e Divulgação

Como toda naked, esta Yamaha, também é esguia e ágil no trânsito urbano, com 2.120 mm de comprimento total, 770 mm de largura total, passeia tranquilamente transito urbano, seja normal ou congestionado (o que mais encontramos em nosso dia a dia, inclusive no teste de estrada, rodei uns 5 km entre caminhões e carros na Anchieta),  seus quatro cilindros em linha, 600 cc, com torque máximo 6,09 kgf.m a 8.500 rpm, gerando potência de sobra,  77,5 cv a 10.000 rpm.

Yamaha XJ6 N

Com 1.440 mm entre eixos, pilotar na cidade é muito tranquilo com esta criatura que tem um aspecto discreto, mas com cara e jeito de Buldogue. Aperta ela para ver o que acontece… ela despeja os 77,5 cavalos sem vergonha alguma, levanta as patas, ou melhor, o pneu dianteiro 120/70 – ZR17 M/C 58W, com muita disposição e eficiência. Na traseira 160/60 – ZR17M/C 69W.

E para frear esse Buldogue de quatro cilindros da Yamaha, um conjunto de freios muito eficiente: na dianteira, disco duplo hidráulico de 298 mm de diâmetro, e disco hidráulico de 245mm de diâmetro na traseira.

Yamaha XJ6 N

Digo eficientes com ênfase, porque com pista molhada, apesar de baixa a velocidade, numa situação inusitada, precisei e não negaram, segurou os 196 kg tranquilamente, apesar do meu susto, nota 10.

XJ6 N

Com 785 mm de altura do assento, pilotos com baixa estatura se sentem bem confortáveis. Seu tanque, com rebaixo para encaixe dos joelhos, completam o design desta “pelada” da Yamaha, que tem um banco um pouco duro.

Yamaha XJ6 N

A posição de pilotagem é bastante confortável, deslocado levemente o tronco à frente, transferindo um pouco de peso para as mãos no guidão.

Yamaha XJ6 N

O rosnado dessa fera é típico de um motor quatro cilindros, muito harmônico em baixas rotações , mas apertou, o bicho pega. O escape curto, sem passar pela lateral da moto, inovador, mostra apenas a pequena ponteira, ficando o silencioso e catalisador, bem embaixo do motor.

Yamaha XJ6 N

Outro ponto positivo para a Yamaha XJ6 N é o painel de instrumentos, localizado no centro, logo à frente do guidão: velocímetro digital ao lado do conta-giro analógico. No painel digital de cristal líquido temos velocímetro, hodômetro total e dois parciais (trip1 e trip2), mais hodômetro do combustível (f-trip), marcador do nível de combustível, relógio digital e luz indicativa do sistema imobilizador. Luzes espias, bem visíveis, permitem uma rápida leitura.

Yamaha XJ6 N

Característica das motocicletas de quatro cilindros é o consumo. Em nosso teste ficou na casa dos 17,7 km/l, e com o tanque de  17,3 litros nos dá uma autonomia bem tranquila para os passeios de final de semana, ou longas viagens, tendo o vento como companheiro inseparável.

Yamaha XJ6 N

O conjunto chassi tubular em aço do tipo “Diamond”, suspensão com garfo telescópico na dianteira, e braço oscilante monocross na traseira com sete regulagens para as várias situações de peso e utilização, proporcionam uma ciclística impressionante para a Yamaha XJ6 N, tanto em baixa quanto em alta velocidade. Tanto em retas ou curvas, senti a firmeza do conjunto  e tranquilidade ao realizar manobras mais ousadas.

Retrovisor XJ6 N Yamaha

Os retrovisores são itens de destaque da Yamaha XJ6 N, com bom visual e excelente posicionamento, colaborando muito com a segurança ao piloto

Oferecida nas cores preta vermelha e branca, com valor sugerido sem frete de R$ 27.850,00, a Yamaha XJ6 N é uma concorrente de peso em sua categoria.

Yamaha XJ6 N

Yamaha XJ6 N Avaliação

10 COMENTÁRIOS

  1. Vcs amantes de motos yamaha principalmente da modelo xj6n em breve vou viajar po1.500 cidades brasileiras com uma em 8 anos. Ai vcs vão ter todas informações sobre a xj6n. Até breve amigos.

  2. Eu tenho uma XJ6 N comprada em dezembro passado e sou bem crítico com relação a ela.. Não que não seja um bom produto da Yamaha, mesmo pq costumo comprar motos da Yamaha pq considero melhor do que a concorrência em sua qualidade geral, mas que deixa a desejar em termos de novos lançamentos e aperfeiçoamentos em sua linha.,,
    O que eu acho é que essa reportagem sobre a XJ6 demonstrou só pontos positivos praticamente..

  3. “Outro ponto positivo para a Yamaha XJ6 N é o painel de instrumentos, localizado no centro, logo à frente do guidão”………….Onde mais estaria localizado, na rabeta?

  4. Olá, quero comprar um 600cc esse ano, estou em dúvida entre a XJ6n e a ER6n, recentemente li a reportagem de vcs sobre a ER6n que parece ótima por sinal, enfim, na opinião de vocês qual é a mais confortável e melhor p/ uso diário? (cerca de 90km, sendo 70% estrada), cotei o seguro de ambas e no meu perfil o valor ficou parecido, a razão me fala 2 cilindros com ABS e o coração 4 cilíndros. abç

  5. Excelente moto… eu, que possuo uma 250cc, tive o prazer de pilotar essa máquina e não tenha nada a reclamar… excelente para quem quer sair da categoria 250cc e entrar na 600cc… extremamente dócil de ser pilotada… quanto ao ABS, pessoalmente nao senti falta, pois os freios (se usados corretamente e combinados) não dão sustos e possuem uma pegada muito boa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


− sete = 2