Yamaha V-Ixion 2013 será apresentada na Indonésia

28
1111

Yamaha Fotos: Reprodução/masmoto

Acontecerá na Indonésia, no dia 31 de outubro, o Jakarta 2012, um dos principais salões de motocicletas que ocorre no país, com o propósito de as empresas exporem as próximas apostas para 2013. Com esse intuito a Yamaha já antecipou o anúncio da nova V-Ixion 2013.

O motor da V-Ixion é um monocilíndrico SOCH, com 150 cm³,  4 tempos, com refrigeração líquida e alimentação por injeção direta. A moto ganhou um novo desenho, principalmente na rabeta e no escape. As duas rodas contam com freios a disco. Além de bem aceitas na Indonésia, a moto é apadrinhada pelo atual campeão do MotoGPJorge Lorenzo, piloto da equipe Yamaha Factory Racing, time oficial da marca no principal campeonato de motovelocidade do mundo.

modelo yamaha

28 COMENTÁRIOS

  1. Achei bem esquisita essa motinho da YAMA. ficou estranho de mais o espaço entre o motor e a suspa dianteira! Com injeção enetrônica o motor deve funcionar ! Por que a carburação da factor é um horror! Digo isto por experiência própria! abraço.

    • Que experiencia você tem com o carburador da factor você e mecânico?
      cara a factor tem um excelente carburador a vácuo, e ainda um TPS para controlar o avanço da ignição você não sabe o poder deste carburador. ( fala para seu mecânico fazer um treinamento na Yamaha ou ler um manual na hora de regular um carburador. ) cara sua experiencia e um horror falar maú de uma coisa que você não tem nem noção… melhor calar a boca.

  2. acho a Fazer uma excelente moto ja andei mas decidi por uma Next 250 moto bem mais completa sem falar excelente mecanica tambem!! enquanto nos brasileiros nao mudarmos nossa mentalidade de moto é R*onda vamos nos contentar com essa motos peladas que essas montadora oferecem aki no brasil!!

  3. Sim Fred, concordo com vc, mas estou super satisfeito com a minha que eh una 2007 e anda junto com qualquer naked 250/300 no mercado nacional.
    Quanto a preço de peças ser caro e talz, eh tudo historia pra boi dormir, o preço das peças da fazer eh super acessivel!!!

  4. Essa moto aqui por 6 mil iria estourar no mercado! Refrigeração liquida, injeção direta, faltou só os dados de potencia da moto! Pena que a Yamaha do Brasil se contenta apenas com o 2º lugar, se ela não ficar esperta nem o 2º mais!

  5. Rafael, eu tenho uma Fazer também e confesso…. se ela tivesse mais uma marcha e refrigeração líquida ela seria a moto mais perfeita no mercado hoje.

    Mas a meamaha só trouxe a porcaria flex.

  6. Não é somente a Yamaha que acaba lançando novas motos na Indonésia, a própria Kawasaki lançou a pouco tempo a nova Ninja 300 por lá. Isso não acontece somente no setor de motocicletas, infelizmente aqui no Brasil é “descarregado” somente as “latas velhas” que nós brasileiros fazemos questão de comprar por um preço exorbitante, essa é a realidade. A Honda deita e rola nas custas dos brasileiros “orgulhosos”, o que dizer da Transalp que está no mercado europeu desde a década de 80 e chegou apenas a poucos anos no Brasil?

  7. Enquanto isso a Honda bate palmas,o moto horrivel,na india tem a fz-n 150 que da de 1000 nessa coisa bizonha…tenho uma factor ed black e nao trocaria por uma dessas nem sonhando..Oh Yamaha!! vamos trazer a fz que e vendida na india por mesmo de 3mil reais e desbancar as hondinhas.

  8. Sr.Queiroz se vc tem uma Fazer, provavelmente a sua deve ser uma porcaria, porque eu tenho uma e eh uma otima moto, e a maioria dos proprietarios da Fazer tenho certeza que estao satisfeitos.
    Agora tem nego ai que anda a pe e vive de forum em forum metendo o pau em motos que nunca andaram.rsrs

  9. Seria ótima pra concorrer com a Dafra Riva na faixa dos 5 mil, desbancaria a CG fácil. 5 mil por essa moto teria grande custo/benefício.

    Obviamente se o foco da Yamaha fosse chegar em primeiro lugar.

    Mas convenhamos…ela ama esse número: “2”
    E ama meter a faca também.

  10. Yamaha só pode tá de brincadeira comigo! vendendo 150cc com refrigeração liquida na indonésia, enquanto as porcarias tipo fazer 250cc é refrigerada a base de ar e óleo. fala sério!

  11. É por essas e outras que a Yamaha dificilmente ultrapassará a Honda em nº de vendas aqui no Brasil.
    Afinal, o que a Indonésia tem que o Brasil não tem???
    Num consigo entender… um produto dessa qualidade aqui no Brasil iria “estourar” de vendas, será que só eu percebo isso?
    Parabéns aos habitantes daquele país, queria que tivessemos a mesma “sorte” que eles, de terem opções de tecnologia em motos de qualidade. #ficadica

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


um + = 2