YAMAHA FAZER 250 ABS 2020 FEITA PARA SURPREENDER

0
1970

Surpreendente. Essa é a palavra que melhor define a Fazer 250 ABS, que para linha 2020 acaba de ganhar uma nova opção de cor, o elegante vermelho metálico (Magma Red).

A Fazer 250 ABS é uma motocicleta completa e com vários atrativos, como o design impactante cheio de arrojo e modernidade, o sistema ABS nas duas rodas como item de série e a notável agilidade. Claro, sem renunciar ao conforto, economia e sobretudo a durabilidade do motor, características que fizeram de sua geração anterior um grande sucesso no Brasil. E tem mais! Sua garantia de 4 anos, é a maior já oferecida no mercado de duas rodas no Brasil.

MUITO MAIS QUE UMA BELA MOTO

Na Fazer 250 ABS 2020 os atrativos vão além de seu visual moderno e arrebatador. Por ser ágil e muito prática, ela é uma moto perfeita para o uso urbano, podendo ser utilizada para locomoção, pequenas viagens, lazer e até mesmo para uso profissional.

Chassis Parte do mérito de seu ótimo comportamento dinâmico se deve ao chassi que em nada se assemelha ao da versão anterior, já que na Fazer ABS 2020 o motor faz parte da estrutura.

Todo fabricado em aço, ele é leve e resistente a torções, incidindo diretamente no comportamento da motocicleta. Toda sua agilidade pode ser sentida em sua capacidade de mudar de trajetória com grande rapidez e, o mais importante, de forma estável – todas as qualidades que se deseja em uma motocicleta de uso urbano.

A Fazer 250 ABS também se destaca pela facilidade na pilotagem, com uma impressionante leveza na condução. Isso se dá graças à redução do peso em 4 kg em relação à geração anterior, à centralização de massas na parte de baixo da moto, e à geometria bem acertada – cujo ângulo do cáster é de 24,5° e o trail, de 98 mm.

Essas características fazem dela uma das melhores opções para os proprietários de motos de 125 / 150cc que buscam um up-grade para uma motocicleta mais potente e completa, ou até mesmo para quem está iniciando no motociclismo e procura por uma moto segura.

Suspensões Mais robustas quando comparadas às que equipavam sua antecessora, elas filtram melhor as irregularidades do piso, garantindo mais segurança e controle na condução. Na dianteira, os tubos internos dos amortecedores são reforçados, com o diâmetro de 41mm, e seu curso é de 130mm.

Já na traseira, o amortecedor único e tem curso de 120mm. Quando comparado ao utilizado na geração anterior, ele é mais robusto tanto em seu corpo, quanto nos elos da mola, cuja compressão pode ser ajustável em sete níveis de rigidez.

Rodas e pneus Com 10 raios, as rodas em liga leve seguem a proposta visual da moto. Não só inspiram arrojo, com chamam a atenção por serem largas, similares a de motos de maior cilindrada. O diâmetro de ambas é 17 polegadas, enquanto a largura na dianteira é de 2,5 polegadas, e na traseira de 4,0 polegadas. Para calçá-las, pneus Pirelli modelo Sport Demon, com medida é de 100/80-17 na dianteira, e 140/70-17 na traseira.

Freios Os sistemas de freios, composto por um disco de 282mm e uma pinça de duplo pistão na frente, e um disco de 220mm e pinça dupla na traseira, garante frenagens seguras e em curtos espaços. Neste quesito, o destaque é o sistema ABS – Anti-lock Bracking System – como item de série. Ele impede o travamento das rodas em condições de baixa aderência do piso, como asfalto molhado ou sujo, e até mesmo em frenagens bruscas de emergência… Pontos a favor da segurança!

Farol e lanterna E por falar em segurança, a utilização de farol e lanterna traseira inteiramente em LED, não só conferem modernidade e menor consumo de energia à Fazer 250 ABS, como maior eficiência na iluminação, fundamental na condução noturna.

Painel A modernidade também está presente no painel da Fazer 250 ABS, que é o mais completo de sua categoria. Ele é totalmente digital e com iluminação em LED, garantindo boa leitura em qualquer situação. Nele destaca-se os indicadores de consumo instantâneo e média de consumo, perfeitos para quem busca economia. Outras funções disponíveis são o velocímetro, o hodômetro total e dois parciais (TRIP-1 e TRIP-2) e “Fuel Trip” (que indica a quilometragem rodada na reserva), relógio, tacômetro de fácil leitura e também as luzes indicadoras de piscas, farol alto, neutro e alerta de motor e do sistema Blueflex.

Conforto Este sempre foi um dos atributos da Fazer 250 desde quando foi lançada, em setembro de 2005. Agora, em sua quarta geração, isso não ser diferente. Na busca por tornar a direção mais leve, um guidão mais largo foi adotado. Com ele, o esforço no esterçamento é menor, garantindo uma pilotagem mais fácil e agradável.

Outro detalhe que merece destaque quando o assunto é conforto, são os assentos. Inspirados nos que equipavam a icônica XJ6N, eles são largos e ergonômicos oferecendo boa acomodação tanto para o piloto quanto para o passageiro, que por sua vez também contam com apoios para os pés bem posicionados.

Motor O principal atributo que ajudou às gerações anteriores da Fazer a construir sua fama de durável e econômica em seus 12 anos de mercado e mais de 300 mil unidades fabricadas, foi sem dúvida o motor. O monocilíndrico, de arrefecimento misto – uma vez que conta com o auxílio de um radiador de óleo – tem a capacidade de 249,5 cm³ e utiliza duas válvulas acionadas por comando simples no cabeçote (SOHC – Single Over Head Camshaft).

A receita de tanta robustez tem origem não só em um projeto consolidado, mas também na tecnologia empregada em sua construção, que utiliza componentes nobres como pistão em alumínio forjado e cilindro revestido de cerâmica. Este material é similar ao de motos de competição, e com ele o atrito é reduzido, dispersando o calor com mais eficiência.

Na Fazer 250 ABS o acionamento do câmbio de 5 marchas é suave e seus engates precisos. Sua transmissão secundária é feita por corrente, com coroa e pinhão de 22 e 46 dentes respectivamente. A embreagem, do tipo multidisco em banho de óleo, também prima pela maciez no funcionamento.

Quando abastecida com gasolina, a potência máxima gerada pela Fazer é de 21,3 cv e de 21,5 cv em caso de o motor ser alimentado com etanol, ambos atingidos a 8.000 rpm. O torque, por sua vez é de 2,1 kgf.m, tanto abastecido com etanol quanto por gasolina, ambos alcançados a 6.500 giros.

Na prática, todos estes números podem ser traduzidos em respostas e retomadas com maior fôlego, tanto em baixos giros, como nas faixas mais amplas de rotação. Elas podem ser notadas principalmente em subidas e também quando se trafega com peso extra de um garupa.

O que contribui para isso, são os sistemas de alimentação e escapamento adotados. Comparada a sua antecessora, a esta Yamaha é equipada como uma caixa de filtro de maior volume permitindo que o monocilíndrico admita uma maior quantidade ar, e de forma mais rápida.

Além disso, o sistema de injeção segue o padrão de modelos de alta cilindrada, com injetor de 10 furos. Este refinamento técnico permite que a atomização da mistura ar e combustível injetado no interior da câmara de combustão seja mais eficiente, com uma queima mais completa. O resultado na prática é algo que todos admiram em uma moto: um funcionamento menos poluente e com maior economia de combustível. 

Já o sistema de escapamento, além de agregar na estética, reforçando as formas musculosas da Yamaha Fazer 250 ABS, permite uma grande vazão, otimizando a saída dos gases. Também se atribui ao novo escapamento, o ronco mais grave e encorpado, configurando uma excitante trilha sonora para o estilo e proposta desta imponente 250cc da Yamaha.

Por todos estes motivos, o motor da Yamaha Fazer 250 ABS é capaz de unir economia à inegável emoção na pilotagem e ainda manter suas características principais: durabilidade e confiabilidade.

Custo benefícioAlém de uma motocicleta econômica, resistente e divertida, a Fazer 250 ABS é um bom negócio. Ela contará com a Revisão Preço Fixo Yamaha em que o cliente sabe exatamente quanto pagará nas revisões periódicas, garantindo  economia, transparência e valorização do modelo.

Garantia de 4 anos – Outra vantagem oferecida na compra de uma Fazer 250 ABS 0 km é a sua garantia de fábrica de 4 anos – a maior do mercado de motocicletas no Brasil. Com ela, o consumidor que já conhece e admira a durabilidade da Fazer 250, passa confiar ainda mais no modelo e na qualidade das motocicletas Yamaha, a primeira fabricante a produzir motos no Brasil.

O modelo 2020 da Yamaha Fazer 250 ABS três opções de cores. O Azul metálico (Racing Blue), o vermelho metálico (Magma Red), e o preto sólido (Preto Eclipse), e estará disponível nos Concessionários Yamaha a partir da primeira quinzena de junho de 2019 ao preço sugerido de R$ 15.790,00 + frete.

Ficha Técnica YAMAHA FAZER 250 ABS 2020
MOTOR Motor SOHC, 2 válvulas, Refrigeração a Ar, 4 Tempos
Cilindrada 249,5
Quantidade de Cilindros 1
Potência Máxima 21,3cv/8.000 rpm (Gasolina) – 21,5cv/8.000 rpm (Etanol)
Torque Máximo 2,1 kgf.m/6.500 rpm (Gasolina) – 2,1 kgf.m/6.500 rpm (Etanol)
Alimentação Injeção Eletrônica
Sistema de Partida Elétrica
Peso Líquido 149 kg
Câmbio 5 velocidades
SUSPENSÃO Dianteira Garfo telescópico
Curso da Suspensão Dianteira 130 mm
Traseira Balança traseira tipo Monocross
Curso da Suspensão Traseira 120 mm
FREIOS Dianteiro Disco hidráulico de 282 mm com sistema anti bloqueio (ABS)
Traseiro Disco hidráulico de 220 mm com sistema anti bloqueio (ABS)
DIMENSÕES Altura do assento 790 mm
Comprimento total 2015 mm
Largura Total 770 mm
Altura Total 1070 mm
Altura mínima do solo 160 mm
Distância entre eixos 1360 mm
Tanque de Combustível 14 L (3,2 L reserva)

Para mais informações, acesse: www.yamahamotor.com.br,

Facebook: yamahamotorbrasil
Instagram: yamahabrasil
Laner Azevedo
Assessor de Imprensa Yamaha

Texto: Yamaha Motor Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


+ 5 = nove