Yamaha Fazer 150: modelo exclusivo para o Brasil

7
800

Yamaha Fazer 150 é o novo modelo da marca e foi desenvolvido exclusivamente para os pilotos brasileiros. Além desta moto com data confirmada para chegar aos pontos de venda, a Yamaha anunciou que vai trazer para o Brasil outro modelo: a T-Max, de 563 cc. Este lançamento ainda não tem data para acontecer.

150 (3)

Fotos: Divulgação

Yamaha Fazer 150: modelo exclusivo para o Brasil

A nova Fazer 150 estará disponível nas concessionárias de todo o país a partir do dia 1º de outubro e promete conquistar o mercado do segmento de 150 cc. A motocicleta foi desenvolvida com exclusividade para o mercado brasileiro, com um projeto feito em parceria pelas áreas técnicas do Brasil e do Japão.

A primeira moto de 150 cc da Yamaha no Brasil traz quatro pontos que os engenheiros envolvidos nos projetos julgaram essenciais para o mercado brasileiro: design agressivo, bom desempenho, conforto e potência.

Com o lançamento da YS150 Fazer, a Yamaha reafirma seu compromisso com a inovação tecnológica e a busca constante pelo melhor produto destinado aos aficionados por motocicletas no País. Isso porque o modelo é equipado com um motor Blueflex de 2ª geração SOHC (Single Over Head Camshaft) de 4 Tempos.

FAZER150_SED (1)

A motocicleta é a mais potente da categoria, como pode ser conferido em testes de dinamômetro de chassi, e também é a mais econômica. Dispondo de um sistema de injeção eletrônica com mapeamento adequado para qualquer percentual de etanol e gasolina.

O design arrojado e agressivo torna este lançamento ainda mais diferenciado. O resultado é um modelo bastante robusto e, ao mesmo tempo, com linhas esportivas. O cuidado com o acabamento também é ponto de destaque, como pode ser conferido pelo conjunto de tanque de combustível e tomada de ar e pela lanterna traseira-bi-partida.

O perfil da rabeta é mais afilado , com ângulo de inclinação superior, o que deixa a garupa mais alta. As tampas laterais são em peça única, o que facilita a manutenção da moto. O painel é completo, conta com mostrador digital e indicador de marcha, em todas as versões.

150 (2)

Para garantir um excelente desempenho, a Yamaha optou por desenvolver este modelo especificamente para o Brasil. Para tanto foram consideradas de maneira bastante detalhada e cuidadosa as condições específicas de uso no País, como: clima, terrenos e/ou pavimentos ocasionalmente irregulares, características do trânsito (especialmente nas grandes cidades, com tráfego mais intenso e lento), longos deslocamentos e entre outras.

Os pneus TL- sem câmara, com destaque para o pneu traseiro de 100mm de largura, foram desenvolvidos para maximizar o conforto e dirigibilidade da motocicleta em qualquer situação de uso. Já em relação à segurança, o destaque fica para o sistema de freios, com  melhor progressividade, o que evita frenagens bruscas.

O fato de a Yamaha Fazer 150 ter sido planejada e projetada para o Brasil também foi essencial para ela ter a ergonomia ideal. Esse item recebeu especial atenção, considerando o perfil dos motociclistas brasileiros (altura, peso, etc). Dessa forma, a Yamaha buscou garantir para os usuários o máximo de conforto na posição de pilotagem.

FAZER_YS150_SED_AÇÃO_(22)

A Yamaha Fazer 150 estará disponível em todas as concessionárias da marca distribuídas pelo Brasil em duas versões (ED e SED), sendo a SED mais completa por ter cavalete central, pintura e grafismo diferenciados, piscas com lente cristal, além do acabamento do banco com textura especial e molas amortecedoras traseiras na cor vermelha.

O modelo também será contemplado pela exclusiva Revisão com Preço Fixo Yamaha, onde o cliente sabe exatamente quanto vai pagar desde a primeira até a sétima revisão (até os 30.000 quilômetros), permitindo economia, valorização do modelo e maior segurança. Além disso, a Yamaha Fazer 150 oferecerá linha de peças de reposição Y-TEQ, com qualidade Yamaha e preços econômicos.

A versão ED conta com as cores preto sólido e vermelho metálico, a versão SED azul, branco e laranja metálicos.

Preço sugerido para a Fazer 150 ED é R$ 7.390,00 e para a versão SED R$ 7.850,00.

Características Técnicas:

 

Especificação

SED

ED

Comprimento total 2015 mm 2015 mm
Largura total 735 mm 735 mm
Altura total 1085 mm 1085 mm
Altura do assento 785 mm 785 mm
Altura mínima do solo 160 mm 175 mm
Peso seco 119 kg 117 kg
Peso líquido (ordem de marcha) 132 kg 130 kg
PBT 300 kg 300 kg
Distância entre eixos 1330 mm 1330 mm
Raio mínimo de giro 2200 mm 2200 mm
Motor Refrigerado a ar,4 tempos, SOHC Refrigerado a ar,4 tempos, SOHC
Quantidade de cilindros 1 1
Diâmetro x curso 57.3 mm x 57.9 mm 57.3 mm x 57.9 mm
Taxa de compressão 9,56:1 9,56:1
Torque máximo 1,28 kgf.m / 5.500 rpm 1,28 kgf.m / 5.500 rpm
Sistema de partida Partida elétrica Partida elétrica
Sistema de lubrificação Cárter úmido Cárter úmido
Capacidade do óleo do motor 1,25 L 1,25 L
Capacidade do tanque de combustível (incluindo a reserva) 15,2 L 15,2 L
Alimentação Injeção eletrônica Injeção eletrônica
Sistema de ignição TCI TCI
Bateria 12V – 5Ah 12 V – 5Ah
Transmissão primária Engrenagens Engrenagens
Transmissão secundária Corrente Corrente
Embreagem Úmida disco múltiplo Úmida disco múltiplo
Câmbio 5 velocidades, engrenagem constante 5 velocidades, engrenagem constante
Quadro Tipo: Diamante Tipo: Diamante
Ângulo de cáster 25.4º 25.4º
Trail 86 mm 86 mm
Pneu dianteiro 2.75-18 M/C (42P) 2.75-18 M/C (42P)
Pneu traseiro 100/80-18 M/C (59P) 100/80-18 M/C (59P)
Freio dianteiro Disco hidráulico de245 mm de diâmetro Disco hidráulico de245 mm de diâmetro
Freio traseiro Tambor mecânico de 130 mm de diâmetro Tambor mecânico de 130 mm de diâmetro
Suspensão dianteira Garfo telescópico Garfo telescópico
Suspensão traseira Balança Traseira Balança Traseira
Curso da suspensão dianteira 120 mm 120 mm
Curso da suspensão traseira 92 mm 92 mm
Painel de instrumentos Painel digital – velocímetro, hodômetro total e parcial, indicador de marcha Painel digital – velocímetro, hodômetro total e parcial, indicador de marcha
Cilindrada 150 cm3 150 cm3
Cilindrada real 149,3 cm3 149,3 cm3
Cores Branca, azul ou laranja Preta ou vermelha
Combustível Gasolina e Etanol Gasolina e Etanol
Potência máxima 12.2 cv / 7500 rpm 12.2 cv / 7500 rpm

7 COMENTÁRIOS

  1. se meu objetivo fosse uma city 150 , seria essa com certeza ! Mas meus 12 anos de motociclismo me ensinaram que , no Brasil , moto segura e confortável tem de ser trail , por isso vou aguardar a nova XTZ 150 , se bem que espero mesmo é por uma Lander remodelada , melhor seria uma WR , mas aí acho que já é pedir demais , né sra Yamaha ?

  2. NESSA CATEGORIA DE MOTO NO BRASIL NÃO HÁ MOTOS BONITAS,ESSA AÍ,PELAS FOTOS PARECE SER UMA MINI-FAZER SE ISSO FOR VERDADE IRÁ AGRADAR COM CERTEZA.

  3. Bem legal a nova motinha, parabéns a Yamaha pela inovação (que é coisa rara por essas terras)…

    Me chamou a atenção foi a adesão ao sistema flex, grande autonomia e a segurança dos pneus sem câmara, bem como o sistema de freio a disco em ambas as versões… Saber quanto gastará nas revisões é um diferencial…

    E a Dona Honda com suas novas CGs? que se cuide, que a coisa está apertando!! (finalmente né?!)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


cinco − 2 =