Triumph Tiger Explorer: Quem disse que os elefantes não sabem dançar?

9
2499
Triumph Tiger Explorer

Sim, eu sei que Tiger é “tigre” e não “elefante”, mas vou pedir esta licença poética e dizer que Triumph Tiger Explorer se parece mais com um grande e ágil paquiderme. Também vou começar do meio do texto e depois a gente vê no que dá. Pé da serra de Campos do Jordão (região de montanhas do Estado de SP). Último pitstop para um café e esticar as pernas. A frente a montanha cortada por asfalto frio. Digo adeus para as vacas malhadas do aconchegante café com produtos lácteos locais. Hora de dançar! Minha parceira de valsa? Uma donzela negra de 450 quilos e 1,60m de altura. Desajeitada? Aguarde…

triumph tiger explorer

Fotos: Roberto Severo

Texto: Roberto Severo

Triumph Tiger Explorer: Quem disse que os elefantes não sabem dançar?

Logo de início a gente não sabe se a parceira sabe bailar e vai com calma, pega leve, testa freios (ABS), sente a retomada de aceleração, vai deitando numa curva, segue deitando em outra, até que já está íntimo com a moçoila, e é curva para lá, pedaleira para cá, sai de uma curva já entrando em outra sem perguntar se a corpulenta moça aguenta o ritmo. E tudo com muita agilidade e segurança. Pista molhada? Aciona um dos três modos de controle de tração, e um abraço! A Triumph Tiger Explorer corrige quase tudo. Precisa ser artista para cair sem fazer uma porcaria das grandes. Tem que “fazer” no tapete e limpar na cortina da sala. Do contrário a moto conserta e seguimos em frente. Bailarina na serra. Quebra Nozes, Lago dos Cisne, Forró, Samba, Axé, Rock 'n' Roll. Chama a música que ela vai. A ciclística é “irretocável”.

Moça de adereços requintados

O parabrisas ajustável faz total diferença na estrada, deixando a viagem mais agradável, sem dizer do piloto automático que suaviza ainda mais trechos longos e contínuos. Você já contou quantas vezes olha para o marcador de velocidade em uma viagem, só para ver se está dentro do limite? São muitas vezes… Conte e me diga. Na pérola negra, é só apertar o controle e, “voilá”, olhe mais para a paisagem e menos para o reloginho. Pequenas acelerações, tanto positivas quanto negativas, você pode fazer no botão do piloto automático. É como ser passageiro e piloto ao mesmo tempo. Frescura que vale a pena…

triumph tiger explorer

Terra

Na terra, o já dito controle de tração funciona que é uma maravilha, freios ABS, ok. Cair só pulando para longe da moto. Claro que no alto de seu motor de 1200 cc e 130 de cavalaria, é uma moto pesada grande e potente, e merece todo o respeito. Mas não respeite muito não, abuse que ela deixa.

Cidade

Quando a música fica pesada, na cidade, a Triumph Tiger Explorer veste o coturno e vai para a balada. Encara bem o Heavy Metal urbano, claro que dado o seu corpanzil, entala em corredor fechado, e tem problemas de manobrar em vagas apertadas. Fora isso, é ágil em manobras “fechadas” e o torque nem se fala, sai na frente de qualquer um.

Motor

Entre os grandes mamutes do mercado, a Triumph Tiger Explorer é a única equipada com motor de 3 cilindros, que produz  137 cv e mais de 12 kg de torque com características únicas: ótima resposta em baixas rotações e sobra de potência em altas rotações. É possível ajusta a entrega da potência (tração), e pode ser de forma linear ou abrupta. Em alto giro o ronco da grande inglesa é maravilhoso, os três cilindros associado com o escape dimensionado produzem um som forte e imponente.

triumph tiger explorer

Suspensão

Apesar de não possuir ajuste eletrônico de suspensão, a Triumph Tiger Explorer tem uma suspensão que beira a perfeição, principalmente para terrenos acidentados. Esta suspensão auxilia, e muito, sua ciclística precisa no asfalto. Na frente, os garfos invertidos de 190 mm de curso dão tranquilidade e conforto ao piloto em qualquer tipo de terreno, enquanto na traseira a grandona é equipada com um monoshock com 194 mm de curso com ajuste de pré-carga de fácil regulagem.
A suspensão é macia, ajustável e melhor: silenciosa em todas as situações. Falando em silêncio, o eixo cardã ajuda muito neste quesito. Consome mais potência do que a correia ou a corrente? Sim, mas ali, amigon, sobra potência! Além de evitar frequentes manutenções e ainda, em conjunto com o motor de três cilindros, reduz as vibrações, deixando o conjunto suave e silencioso.

Câmbio

As seis marchas são perfeitas para a estrada e a moto responde bem em todas, com retomadas precisas, mas achei o câmbio duro e por vezes é difícil achar o ponto morto. Obviamente isso faz diferença na cidade.

Tecnologia

Bem completa, possui recursos como piloto automático, controle de tração e freios ABS – o dianteiro, que possui dois discos de 305 mm pressionados por pinça com quatro pistões e traseiro com disco único de 282 mm e dois pistões. Este  conjunto de freios ABS pode ser desligado pelo condutor, principalmente para uso fora de estrada.

A Triumph Tiger Explorer possui sistema de acelerador eletrônico ride-by-wire (não há cabo de aço) e um completo computador de bordo com temperatura do ar, consumo de combustível. Aliás, instrumentos e medições é o que não faltam, vai de relógio até temperatura ambiente, passando por instantâneos e médias horárias / consumo por “Trip (A e B)” e tempo de viagem. Alguns acessórios são vendidos separadamente como o aquecedor de banco e manoplas e o farol de neblina.

triumph tiger explorer

Conforto

Bastante para o(a) garupa e piloto, que pode ajustar a bolha e o guidão, contando com um banco macio e bastante espaçoso. Sua posição de pilotagem é muito boa permitindo longas viagens… Fiz quase quatrocentos quilômetros em uma tocada só, sem cansar nada! O banco tem altura regulável o que ajuda a adequar a moto a estatura do piloto.

Seu tanque de combustível tem capacidade para 20 litros e a média ficou em 18,7 km/l na estrada e 17 na cidade.

Comparação de Preço (fornecido pelas montadoras)

BMW R GS 1200 – R$ 80.900
Honda VFR 1200X – R$ 79.900
Triumph Tiger Explorer – R$ 62.900
Yamaha Super Ténéré – R$ 61.000
Kawasaki Versys 1000 – R$ 49.990

Dito isso, agora é só descer a serra e infelizmente devolver a moçoila para os pais na concessionária Triumph.

Triumph Tiger Explorer

Keep riding!

9 COMENTÁRIOS

  1. Bom Dia! parece ser uma moto muito boa sei que não é uma moto velocidade mas gostaria de saber qual o final dele, será que tem alguma pessoa que possa me ajudar nessa resposta, um amigo falou que chegou a 239 KM por hora e ainda tinha muita mais para aumentar velocidade.
    Aguadeço a desde já;
    ATT.
    Junior Marques

    • em 1 , onde o autor do texto que tem 450 k a minha com suporte de malas, protetores , case, chega a 270 k.
      o junior, acho que essas motos são caras para a gente ir subindo de cilindradas. para que saber se dá 239 km/h. acho que estourando para dizer que já andou , uns 170 a 180 km , isso em uma estrada boa como a carvalho pinto. não temos estradas para isso. visto que a carvalho mesmo é para 120 . por hora. precisamos ter consciência que tem famílias viajando pelas estradas e muitos a 80 ou 90 km .porque andar a velocidades absurdas. devemos pensar que poderia ser alguém de nossa família.

  2. Roberto severo.
    Estou querendo comprar uma moto dessa,tenho uma hayabusa ,so tenho medo quanto ao pos venda ,sei que deve ser uma moto com pouca manutenção.
    A triumph e uma marca consolidada la fora mas aqui no pais esta a pouco tempo.
    Sera que vai se estabilizar aqui.
    e uma duvida .
    tenho 1,85 de altura ,andei em uma V-strom e quando cheguei a 130 km/h o capacete comecou a vibrar ,parei em um posto e regulei a bolha, levantei sendo que a turbulência continuou
    A explorer tem um bolha maior e qual a velocidade maxima dela.
    gosto de viajar bastante e minga patroa sempre vai comigo
    adorei sua matéria .
    a moto vale o investimento?

  3. Mamute alto, muito forte e confortável. Fiz N.Hamburto RS a Atibaia SP, foram 1290km em 13:45 hs de segurança, agilidade e divertimento. Foi uma boa escolha.

  4. Elefante pode dançar, girafa pode jogar capoeira, mas estou cansado de tentar dar rasteira em sapo e nó em pingo d’agua. FRATELLI quando é que vamos conseguir comprar uma moto DECENTE por até R$ 20.000,00 pois nos Estados Unidos com $ 20,000.00 você compra uma SUPER MOTO!!

    • Caro Daniel,

      Obrigado pelo comentário, anote aí: as vezes é preciso fazer umas loucuras financeira (claro que com responsabilidade 🙂 )

      Grande abraço,

      Roberto Severo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


3 − três =