Triumph Speed Triple 1050: Hermes de Duas Rodas

4
3107

Na mitologia grega, Hermes era o Deus da velocidade, das viagens e estradas. Se pudesse eleger uma motocicleta que se assemelha a Hermes, certamente a Super Naked Speed Triple estaria na lista.

ea508ff9-595d-43e1-932d-e072cb893be9

Fotos: Divulgação

História

Considerado um dos maiores ícones da Triumph, o modelo Speed Triple é o símbolo da marca inglesa para o segmento das super nakeds. A Speed Triple destaca-se, pelo seu visual agressivo e pelo motor de 1.050 cc e 135 cv. Estas características marcam a história desde o lançamento da primeira versão do modelo, em 1994. Desde então, mais de 70 mil unidades da moto já foram comercializadas em todo o mundo. Seu design pode até ser confundido com sua irmã mais nova a Street Triple, mas quando o “cabo enrola” amigon… você sabe direitinho em quem está montado!

Remodelada em 2011, a Speed Triple ficou cerca de 3 kg mais leve que a versão anterior, ganhou um quadro mais estreito, a altura em relação ao solo aumentou e recebeu novos garfos de 43 mm com pré-carga de amortecimento e de compressão ajustáveis. Isso torna a Speed Triple uma motocicleta incrivelmente leve, ágil e versátil.

detalhe2

Design

Apesar da pouca “roupa” em sua carenagem, com os faróis duplos totalmente “soltos” dão uma ideia de leveza e transparência. Dependendo do ângulo, lembram a cabeça de um inseto com os retrovisores fazendo as vezes de antenas. Esta frente acentuada confere uma postura urbana agressiva. Isso inclui, por exemplo, a carenagem do radiador.

detalhe5

Apesar de  “pelada”  (naked), ela possui uma vasta coleção de acessórios dentro do armário da Triumph que podem ser adquiridos. Desde para-brisas coloridos, passando por capa de assento e protetor de cárter são opcionais da moto. Além de itens “cosméticos” a Triumph disponibiliza outros itens interessantes de performance, como escapamentos para melhora de desempenho, um sistema de exaustão diferenciado do tipo “três-em-um” (desenvolvido em parceria com a Arrow Special Parts) e um kit de sensores de pressão dos pneus. Entre os funcionais, há uma gama completa de bagageiros e assentos de gel.

detalhe3

Ciclística associada com potência e conforto

O assento de 820 mm de altura oferece uma posição de pilotagem que inspira confiança, colocando o piloto mais à frente e causando muito maior segurança ao contornar curvas. Claro que não dá para comparar o conforto de uma Custom, mas dentro da categoria naked, ela foi uma das mais agradáveis que pilotei.

topo

O motor de três cilindros e 1.050cc dispensa apresentações, seus três cilíndros conferem à Speed Triple muita força, em qualquer situação. Como dizem os ingleses ela é “forgiving”, ou seja, perdoa mudanças de marcha fora de hora, ou aceleração em marchas altas a baixas velocidades sem fazer feio. São características que ajudam na maneabilidade a aumentam o conforto de pilotagem.

traseira

A Triumph Speed Triple oferece um guidão largo (para a categoria), feito de liga de alumínio. O panel apresenta bons controles e dispositivos, como imobilizador codificado por chave, velocímetro digital, medidor de combustível, computador de bordo, tacômetro analógico, cronômetro digital, cronômetro de volta, luzes de mudança de marchas programáveis (shift light) e tela de exibição do intervalo de manutenção.

painel

Como não poderia ser diferente, o modelo conta com sistema de freios ABS de série Brembo (!).

Nova Imagem

A linha de pneus Metzeler Racetec K3 Interact equipa a Speed Triple. Garante maior durabilidade e é ideal para motos SuperSport, que são utilizadas nas estradas e nas pistas. Tanto no seco quando na chuva, o composto e geometria dos pneus provaram ter ótima aderência nas curvas, mesmo em grandes inclinações. No trânsito ela se vira bem, talvez pudesse esterçar um pouco mais, porém não compromete. Na estrada, a retomada é excelente e os freios funciona como uma orquestra, mesmo quando acionados (evite) em curvas.

O preço acima dos 42k coloca a moto em um patamar superior, competindo com “nakeds” musculosas como a CB1000 da Honda, Bandit 1250 da Suzuki, BMW S 1000R e “Kawa” Z1000.

A motocicleta está disponível em três opções de cores, sofisticadamnte nomeadas: Branco Crystal, Preto Phantom e Azul Matt Caspian.

Enfim, é uma moto bonita e potente, ainda com preço de seguro praticável (R$ 5000,00 para meu perfil) – em outras palavras, pouco visada para roubo – e opção obrigatória a ser visitada por motociclistas que queiram comprar uma “peladona” com grande estilo.

Ficha técnica completa:

triumph

>> Conheça nossa Loja de motos

4 COMENTÁRIOS

  1. Boa tarde, me desculpe resgatar esta publicação, mas estou muito interessador em adquirir uma speed triple 1050, e gostaria de saber se as últimas grandes atualizações da moto foram em 2012, e se possível, caso haja, me dizer quais são as diferenças entre a Speed 1050 2013 e 2014.

    Abraço e sucesso.

  2. Prezados Best Riders,

    somente esclarecendo, publiquei por engano duas fotos trocadas da Street Triple ao invés da SPEED Triple. A Street Triple é a irmã menor da segunda, e o Anderson que é membro do Naked Clube (procurem no google) nos notificou prontamente o equívoco.

    Como disse a ele, depois de anos de publicações, hoje foi o dia da falha nas imagens, que assumo na totalidade.

    Abrax, e Keep Riding!

    Roberto Severo

  3. Simplesmente top o feed back a respeito da minha critica, desculpe ao reporter que gentilmente me respondeu de forma rapida e tbm peço desculpas ao Best Riders por atribuir o erro ao site!!!!

    Sou leitor do site a mais de 2 anos e estou sempre acompanhando, sou fanzaço da marca Triumph e no calor da emoção agi de forma abrupta e grossa kkkkkkkkkkkkk

    Parabens!!!

    • Anderson, ficamos felizes em ter leitores participativos como você. Estamos sempre atento aos comentários que moderamos e sempre responderemos críticas, sugestões, elogios, online ou offline. Grande abraço!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


+ 1 = oito