Superbike Series Pro Master: Tenebra na segunda Etapa

0
380

Superbike Series Pro Master: Piloto Elson Otero Tenebra relata a participação em sua segunda etapa no Autódromo de Velopark, Nova Santa Rita – RS.

6_tenebra

banner_suzuki

Superbike Series Pro Master: Tenebra na segunda Etapa

Por Elson Tenebra Otero

Demorou um pouco mas a segunda etapa chegou. A ansiedade para a próxima etapa era grande e ainda mais para conhecer um novo circuito no brasil, que aliás é conhecido por poucos pilotos.

Novamente, após terminar em segundo na primeira etapa, mesmo fazendo a pole com folga, cometemos erros na corrida e tivemos que nos contentar com o segundo de novo.  A motocicleta passou por uma ótima revisão e estava perfeita para a prova…
A viagem foi ótima e com o feriado pudemos viajar durante o dia e isso, claro, deixa mais confortável todos os envolvidos…

Chegamos à noite e fomos direto ao autódromo, onde pudemos fazer a montagem nos boxes de todo o equipamento, para que a sexta-feira fosse apenas para os treinos e acertos do equipamento.

1_tenebra_box

Na sexta os treinos se iniciaram com muitos pilotos querendo conhecer a pista. Com a liberação do horário programado,  todos entraram para as primeiras voltas de reconhecimento.
A pista de imediato é demais! A primeira impressão é a de sentir-se perdido, e até fixar a atenção no trajeto e se concentrar para a próxima curva ficava muito difícil. O comentário dos pilotos era o mesmo que o meu: pista é linda, maravilhosa, boa mas com muitas dificuldades para tirar-se o máximo dela…

Nos primeiros treinos a preocupação maior não era muito em tirar o melhor tempo. Tivemos os acertos básicos como o da suspensão, da relação e até de mapeamento para melhorar…
Fomos conseguindo a melhoria e o prazer de andar nesta pista foi aumentando conforme as voltas…

10_tenebra

Os treinos de sexta foram três. No primeiro fizemos 1’06 e no segundo 1’04. No terceiro, onde já era final de tarde e já estávamos cansados fizemos 1’05…
Após os treinos deixamos a motocicleta em ponto para a troca de pneus que seria feita somente no sábado pela manhã, pois os indícios de chuva aumentavam…

Bem, a chuva caiu desde o jantar no hotel e durante a noite inteira, quando somente pela manhã é que ela cessou mas com alguns pingos ainda querendo cair…

Chegamos ao autódromo com a pista ainda molhada e novamente caiu alguma chuva para melhorar ainda mais o circuito…

O primeiro cronometrado somente dois pilotos se aventuraram na pista, pois todos resolveram ficar nos boxes enquanto o tempo já estava para melhorar…
Para o segundo treino livre, a pista já estava em melhores condições, estando 85% dela seca, o que não atrapalhou os tempos de volta… Eu particularmente melhorei um segundo virando em 1’03…

3_tenebra

Durante o espaço de tempo para o Q1, muitos pilotos ficaram preocupados com a tempo de linha de corte onde estava em mais ou menos 1’03 (os ponteiros da Honda estavam muito rápidos o que deixava a linha de corte baixa). Todos resolveram acelerar para o Q1, e, inclusive eu estava muito bem: meu tempo foi reduziu para 1’02, e  se eu ficasse um pouco mais na pista fatalmente ficaria em 1’01 ou talvez 1’00… Só não fiquei para poupar os pneus para a corrida de domingo, pois ainda tínhamos a Superpole 3, 2, e quem sabe a Superpole 1.

Fomos para Superpole 3, passamos para a Superpole 2, mas infelizmente para conseguirmos passar para a Superpole 1. Tínhamos que virar na casa de 59 segundos, o que não consegui…
Acabei ficando com a pole na Master, pois o Rogério Gentil não compareceu para a Superpole 2, e assumindo o erro eu ganhei mais um ponto no campeonato…

Fomos descansar para acalmar a ansiedade para a corrida…

Domingo pela manhã, um domingo com sol, com um autódromo muito bem formado pelos organizadores: uma verdadeira festa desde as primeiras horas do dia…  Um grande espetáculo se iniciava ali!

Durante o warm-up, que é para somente se familiarizar com a pista no dia, houve um acidente com o Maico Teixeira da Honda, que infelizmente não conseguiu largar devido a uma pequena lesão, sendo foi transferido para o serviço médico, e deixando livre a briga pelo primeiro lugar na categoria Pro

A largada foi às 13hs para que a televisão colocasse na íntegra a transmissão.  Eu fiz uma ótima largada, assumindo a liderança da Pro-Master, e consegui mantê-la até a terceira volta, quando novamente errei e passei reto no fim da reta, indo para o fim do pelotão…

11_tenebra

Acredito que ai me concencrei mais e comecei novamente minha corrida para recuperação, onde consegui ultrapassar alguns pilotos, mas o principal da minha categoria ficou na frente…

Mais uma vez fiquei com o segundo lugar, porém o ritmo dele estava melhor e fatalmente a briga seria intensa…

1_tenebra_trofeu

O campeonato é longo, tenho muita determinação e estarei até o fim para brigar pelo campeonato…

Enfim, para fechar o relato, não só eu mas todos os pilotos adoraram o evento. Mais uma vez a organização está de parabéns, deixamos Velopark com saudades.

Queria agradecer a minha família, meus patrocinadores, como a Best Riders, Vaz, Econs, CNM e a Suzuki.  Sem eles realmente não conseguiria estar relatando esse evento…

Que venha a próxima etapa em Londrina, no fim do mês,  que será 24/25/26 de julho… quem sabe faço a pole e desta vez consigo vencer…

Até la..

9_tenebra

>>Visite a nossa loja de motos

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


− quatro = 2