Shineray revela a nova Kougar 400R na Intermot

10
1864

Foto: Motorcycle News

A fabricante chinesa de motocicletas Shineray, apresentou um novo conceito de motocicletas na Intermot (Alemanha), o modelo Kougar 400R ainda é um protótipo exposto pela marca, mas tem grandes chances de estar em circulação até 2014.

O modelo visualmente parece a XR 400 da Honda, que depois deu origem a NX4 Falcon. A moto emprega o motor de 397,2 cm³ refrigerado a ar, já na estrutura da motocicleta, ela possui um quadro tubular em aço. Ela também tem semelhanças com os modelos da família “GS” da BMW.

10 COMENTÁRIOS

  1. Se fosse abrir uma concessionária ficaria indeciso porque gosto muito de carro e motos a Yamaha,Honda,Suzuki,Kawasaki,Traxx,Ktm,Harley Davidson,Shineray,Bmw,etc…agora quem tem dinheiro tem direito de escolha porque cada marca tem o seu nível de qualidade e responsabilidade com seus clientes e sem concorrência não existirá a melhoria dos produtos oferecidos aos consumidores.

  2. Parabéns para a galera que vai comprar.. compre bastante pois sejam cobáias e depois me avisem quando não tiver peças.

    Você acham que essa tranqueira bonitinha e ordinária aguenta pular uma lombada?

    Melhor ter um bom convênio médico, pois se tiverem que ir para rede publica, vai morrer no corredor devido acidente de moto que desmontou no meio do caminho

  3. Essa moto é cópia da Suzuki DR800 que ja saiu de linha faz tempo ,mas ainda é uma moto para tirar o chapéu.
    Certamente se esse modelo chegar por aqui vai vender bem pois o preço sempre será muito menor que os da honda que empurra no mercado motos remodeladas e sem atrativo .

  4. Pelo menos os chineses estão mostrando para a Honda como teria que ser a “nova Falcon”, em aparência e em preço. Digo isso por causa da Explorer 150 que é igual a Bros, tirando o valor: A da Honda 10.000 e a da shineray 5.600 e já com freio a disco e partida elétrica, coisa que na Honda se lança moto com partida a pedal, freio a tambor, pedaleira traseira agarrada na balança estourando os joelhos,etc. Que venham os china! (risos…). Estou igual a palhaço maluco: Quero mais é ver o circo pegar fogo para eu bater palma e me divertir (risos…).

  5. Essa moto ficou linda, pena que corre o risco de desmontar no primeiro buraco. Nós Brasileiros vamos demorar para confiar nesses produtos chineses, porem a idéia de entrar em nosso nixo de mercado com preços baixos acaba precionando as grandes a baixarem seus produtos. Tomara que a Shineray lance vários modelos como esse no Brasil…vamos testar, ver se aprovamos e dar uma banana para a Honda. Na verdade eu gostaria muito, mas muito mesmo é de ver Concessionarias na Thiumph e KTM abertas o mais rápido possível. Aí sim a Honda e a Yamaha serão obrigado a baixar seus preços e melhorar sua qualidade. Um ultimo comentário: O lançamento dessa nova (velha) Falcon é um desrespeito ao consumidor Brasileiro.

    • O problema é que Thiumph e KTM são marcas caras até mais que honda, será um cenário favorável pros mais abastados, como está ocorrendo com Kawasaky e BMW, ótimas motos porém preço alta e manutenção também, pro povão infelizmente, sobre, shineray, dafra, kasinsky e outras menos conhecidas.
      Essas marcas não são ruins claro que tem defeitos como as outras tb tem porém as mecânicas jogam as marcas na lama, não tem conhecimento suficiente para resolver os problemas queimando o produto no mercado, eu mesmo tenho uma Shineray racing, rodei um ano com a moto, contente com ela não fiquei nenhuma vez na rua, fazendo as revisões certinho, porém durante o ano todo, algumas peças de acabamento deu defeito como o caso do led no farol, e eles ficavam dizendo que iriam colocar na próxima revisão, quando chegou no fim da garantia mandei arrumar tudo e tinha um pequeno vazamento, no retentor do pinhão, o mecânico me entregou a moto dizendo que tinha que trocar o parafuso mas que eu podia andar, simplesmente estou a 70 dias sem usar a moto mandaram o cabeçote para retifica para embuchamento.
      Conclusão se não tivesse mandado fazer a ultima revisão estaria andando com a moto.

  6. Gostei muito desse modelo, se usarem material de boa qualidade será sucesso na certa, linda moto. Pena que para 2014, hoje faria mais efeito.

    A QianJiang tem modelos de 600cc 4 cilindros, a Zongshen tem 500cc, a JIALING tem 600cc também, e recentemente a Lifan apresentou uma 600cc que parecia a moto do Akira, e a Dafra comentou que a Sym estaria desenvolvendo 400/600cc.

    Que venham TOOODAAAAS, chega dessa palhaçada da Honda/Yamaha cobrarem preço de carro médio em motos 600cc, são bizarros os preços do Brasil.

    -Ah…Mas KAwasaki e Suzuki também são extorsivas.
    -Sim, mas Honda/Yamaha é que ditam os preços.

    Precisamos de concorrência urgente.
    Se hoje tem March, HB20 e Etios saindo de série com air bag duplo é porque a concorrencia começou a fazer efeito, 30 anos atrasado, mas começou.

    Quem fala mal das chinesas é ser ignorante, nos anos 90 os Hyundai vendidos no Brasil se desmontavam andando, hoje os Koreanos estão em pé de igualdade com os Japoneses. [Hyundai/Kia]

    Não dou 5 anos para os Chineses estarem lado a lado com as Japonesas nas 600cc.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


+ seis = 14