Teste de Garagem: Scooter PCX da Honda – Lançamento tecnológico

8
2322
scooter pcx honda

Semana passada a Honda nos chamou para o lançamento efetivo do PCX, o seu scooter que possui inovações e grande tecnologia embarcada. Seguimos para Indaiatuba, interior paulista, para verificar e testar a pequenina japonesa. Fizemos um Teste de Garagem, que consiste em pilotar a moto em condições controladas sempre sob a supervisão e informações fornecidas pela montados nipônica.

scooter pcx honda

Fotos: Divulgação

Teste de Garagem: Scooter PCX da Honda – Lançamento tecnológico

Ano passado a Honda havia feito o lançamento em evento na Bahia, porém ainda faltava testar na prática, ou seja no asfalto a moto, além do que faltava uma informação importantíssima: preço… Então lá vai: por R$ 7.990,00, a partir de maio, a Honda traz para o mercado brasileiro o scooter  PCX modelo 2014. A integrante da categoria Family chama a atenção principalmente por sua tecnologia embarcada.

scooter pcx honda

Entre seus principais atributos está o motor de 150 cm3, arrefecido a líquido, baixa emissão de poluentes e economia de combustível (média de 40km/l). O grande destaque fica por conta do sistema inédito “Idling Stop System”, que permite que o motor desligue em marcha lenta após três segundos do scooter parado e volte a funcionar ao acionar o acelerador. A tecnologia permite uma redução no consumo de combustível e na emissão de poluentes.

scooter pcx honda

O modelo recebe transmissão automática CVT, que proporciona conforto e fácil pilotagem, uma vez que não é necessário trocar de marcha: basta acelerar. No quesito segurança, o modelo é equipado com o CBS (Combined Brake System). Composto por disco com 220 mm de diâmetro na dianteira e tambor de 130 mm na traseira, a tecnologia permite que ao acionar o freio traseiro, o dianteiro seja acionado simultaneamente, aumentando a segurança e melhorando a frenagem.

Segundo a Honda, o scooter PCX estará disponível nas concessionárias a partir de meados de maio de 2013 e a expectativa é produzir 10.000 unidades durante o ano.

Estilo

scooter pcx honda

Na dianteira, o conjunto óptico ganhou um amplo farol com lâmpadas de 35/30W, além de luzes de posição nas extremidades. Na parte traseira, a lanterna recebe um desenho moderno e diferenciado.

O painel de instrumentos é analógico e digital e é possível obter informações sobre velocímetro, hodômetro total, marcador de combustível, além de luzes-espia da injeção eletrônica e do sistema de parada automático.

O assento do PCX é longo e confortável em dois níveis. A posição de pilotagem se mostrou agradável com altura do assento de 760 mm. Além do cavalete, há um descanso lateral para os pés.

scooter pcx honda

O compartimento sob o banco, aberto por meio de um botão, permite acomodar um capacete fechado e mais um objeto pequeno. Há ainda um porta-objetos localizado abaixo do painel.

O guidão tem uma altura elevada proporcionando uma pilotagem confortável. O tanque de combustível, com capacidade para 5,9 litros, ganha um compartimento de abertura de fácil acesso, garantindo conforto e conveniência.

Suas principais dimensões (comprimento x largura x altura) são respectivamente: 1.917 x 738 x 1.094 mm.

Motor inovador

O scooter é equipado com motor OHC (Over Head Camshaft), 153 cm3, quatro tempos e arrefecido a líquido. O modelo é alimentado por injeção eletrônica de combustível PGM-FI (Programmed Fuel Injection), que garante economia e confiabilidade. Toda a configuração segue a premissa do conceito ESP (Enhanced Power Smart), que visa a baixa emissão de poluentes e de consumo de combustível, além do desempenho surpreendente para a categoria.

scooter pcx honda

Extremamente eficiente, o motor é capaz de gerar potência máxima de 13,6 cv a 8.500 rpm, e torque máximo de 1,41 kgf.m a 5.250 rpm, assegurando potência equilibrada para uso urbano e excelente torque que lhe confere agilidade e arrancadas vigorosas em qualquer situação de uso.

O câmbio de transmissão automática CVT (V-Matic), onde não é necessário realizar a troca de marchas. Todo o mecanismo é extremamente suave. O modelo recebe ainda partida elétrica.

scooter pcx honda

Devido ao seu sistema “Idilling Stop System”, a motoneta é capaz de desligar o motor do scooter quando ele estiver parado em marcha lenta após três segundos. Após o desligamento do motor, a luz indicadora de ativação do sistema piscará no painel informando ao piloto que o motor não está funcionando. Neste momento, entra em ação o sistema ACG (Alternating Current Generator – Gerador de Corrente Alternada), que consiste em uma tecnologia que une motor de arranque e gerador de energia em uma mesma unidade. Com o ACG, o pistão é retomado a posição ideal de partida, e esse reposicionamento é conhecido como Swing Back, que é acionando no instante que o motor é desligado. Para religar, basta apenas acionar o acelerador. Nesse instante da fase de compressão, a válvula de exaustão abre ligeiramente, reduzindo a força necessária para comprimir a mistura ar/combustível, permitindo a partida de forma rápida e eficiente.

scooter pcx honda

Assim, ao parar em um semáforo ou com trânsito intenso, após três segundos, o motor desliga. Ao acelerar, automaticamente, ele volta a funcionar. A Honda diz que toda essa tecnologia permite uma grande redução no consumo de combustível e na emissão de poluentes. O sistema pode ser ativado ou desativado, conforme desejo do piloto, através de um botão localizado no punho direito.

Ciclística 

Equipado com chassi do tipo berço em aço tubular e com distância entre eixos de 1.315 mm, o scooter PCX se mostrou fácil de manejo proporcionando uma condução agradável e tranquila.

O conjunto de suspensões apresenta, na dianteira, garfo telescópio com 100 mm de curso. Na traseira, conta com sistema de duplo amortecimento com 85 mm de curso, ampliando ainda mais o conforto do piloto.

scooter pcx honda

As rodas de 14 polegadas, equipadas com pneus mais largos (90/90 na dianteira e 100/90 na traseira). Como já dito, o PCX  possui um  sistema de freios CBS (Combined Brake System). Na dianteira, recebe freio a disco com 220 mm de diâmetro, e na traseira a tambor com 130 mm de diâmetro.

O scooter PCX modelo 2014 estará disponível na rede de concessionárias Honda nas cores vermelha metálica e branca perolizada. A garantia é de um ano, sem limite de quilometragem.

 

Ficha técnica fornecida pela Honda:

CATEGORIA

Family

MOTOR

153cm3, OHC, monocilíndrico, 4 tempos, arrefecido a líquido

POTÊNCIA MÁXIMA

13,6 cv a 8.500 rpm

TORQUE MÁXIMO

1,41 kgf.m a 5.250 rpm

DIÂMETRO X CURSO

58,0 x 57,9 mm

ALIMENTAÇÃO

Injeção eletrônica de combustível PGM-FI

RELAÇÃO DE COMPRESSÃO

10,6 : 1

SISTEMA DE LUBRIFICAÇÃO

Forçada, por bomba trocoidal

SISTEMA DE IGNIÇÃO

Eletrônica

BATERIA

12V – 6 Ah

FAROL (ALTO/BAIXO)

35/30W

SISTEMA DE PARTIDA

Elétrica

CAPACIDADE DO TANQUE

5,9 litros

ÓLEO DO MOTOR

0,9 litro (0,8 litro para troca)

TRANSMISSÃO

Automática, tipo CVT (V-Matic)

EMBREAGEM

Automática centrífuga (tipo seco)

SUSPENSÃO DIANTEIRA

Garfo telescópico com 100 mm de curso

SUSPENSÃO TRASEIRA

Duplo-amortecido com 85 mm de curso

FREIO DIANTEIRO

Disco de 220 mm de diâmetro com cáliper de pistão duplo

FREIO TRASEIRO

A tambor com 130 mm de diâmetro

PNEU DIANTEIRO

90/90-14

PNEU TRASEIRO

100/90-14

CHASSI

Monobloco (underbone)

ALTURA DO ASSENTO

760 mm

ALTURA MÍNIMA DO SOLO

140 mm

DIMENSÕES (C x L x A)

1.917 mm x 738 mm x 1.094 mm

ENTRE-EIXOS

1315 mm

PESO SECO

124 kg

8 COMENTÁRIOS

  1. fui a loja da honda semana passada pra ver se ja tinha pra testdrive,qdo perguntei ao vendedor ele me falou que o preco de venda seria de 9500 reais e que chegaria a partir do dia 5 de junho,1600 reais a mais do que a honda anuncia no site e moro a 85km de sampa…vou optar por uma cyticom 300 usada com menos de 5mil rodados..sayonara dona honda!!

    • nandujapa,

      realmente o preço é “sugerido” para as concessionárias, mas elas tem liberdade de definirem se é ou não interessante para elas.

      Abraço,

      Roberto Severo

  2. o que enterressa não é ficar mostrando videos com musicas,vcs tem que aprender a mostrar a cara do produto o ronco do motor real a sua arrancada,não gostei da apresentação,sem vivencia,ve se aprende gente, um veiculo bom é veiculo que tem arranca boa.

  3. Qdo chegar aqui na minha cidade vou fazer um test-drive,nunca tive um scooter,me da impressao de inseguranca,trabalho com documentacao e uso uma factor ed,adoro essa moto,economica e com uma ciclistica exelente,mais esse modelo pelas rodas 14 e a posicao de pilotagem parecida com moto ta me instigando.O preco esta dentro da nossa triste realidade,vamos ver como ela vai aguentar as ruas detonadas de onde moro.

    • nandujapa, meu caro,

      Só digo uma coisa: vale a pena fazer o test drive, e se realmente estiver interessado em um scooter, este é um dos modelos mais confortáveis que já avaliei.

      Abraço,

      Roberto Severo

  4. A HONDA HÁ MAIS DE 50 ANOS É A MAIOR FABRICANTE DE MOTOS DO MUNDO,MAS ULTIMAMENTE TEM DADO VÁRIOS TIROS NA ÁGUA,LANÇAMENTOS COMO A POP,LEAD E NOVA “FALCON”(QUE JÁ PASSOU POR RECALL)FORAM UM VERDADEIRO FIASCO.
    ESSA SCOOTER TIRANDO A FRENTE A DESPROPORCIONAL PARECE QUE IRÁ AGRADAR.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


× quatro = 20