Pilotagem Segura – CURVAS

Confira as Dicas do Instrutor George Alexandre sobre como fazer as curvas com mais domínio e segurança.

0
5869

Muitos me perguntam qual a velocidade correta para fazer curva com uma motocicleta na estrada. Difícil precisar isso e mesmo que fosse possível, ninguém vai fazer uma curva olhando para o velocímetro da moto para manter a velocidade. A melhor resposta que tenho para esta pergunta é a que aprendi em meu primeiro curso de pilotagem no Brasil ministrado pelo Instrutor Tite Simões: ‘’A velocidade correta para se fazer uma curva é aquela que você consegue parar sua motocicleta até aonde você consegue enxergar na curva”.

O que fazer se um piloto entra na curva com sua motocicleta e percebe que sua velocidade é maior do que deveria para fazer a curva?

Neste caso – velocidade maior do que a curva permite – o que se deve fazer é parar de acelerar (parece óbvio mas vale a pena lembrar) e pressionar levemente o freio traseiro, mantendo a moto inclinada para que seja corrigido o traçado (moto só faz curva inclinada, portanto, ‘’levar’’ a moto para a posição vertical não é uma solução para continuar fazendo a curva). Assim que a moto estiver segura e com a velocidade adequada dentro da faixa de rodagem da pista, retome levemente a aceleração.

Outra ação que vai ajudar o piloto a retomar a curva com segurança é fixar o olhar em um ponto que vai levar a moto para a correção da trajetória dentro da curva. Se a curva é para a esquerda, a faixa central é um bom ponto para fixar os olhos e se a curva for para a direita, buscar algo que esteja no acostamento ou próximo dele poderá ajudar, por exemplo: Uma placa de trânsito, um arbusto ou até uma árvore.

Nunca utilize o freio dianteiro com a moto inclinada e o guidão virado. Isso pode fazer com que o pneu dianteiro da moto derrape resultando em queda da motocicleta (este caso é mais comum em motos sem ABS) ou pode fazer também com que a moto levante (saindo da inclinação e indo para a posição vertical), pois é quase impossível manter a inclinação da moto em uma curva com o freio da frente acionado. Neste último caso, se a curva for para a direita, a moto sairá da pista para o acostamento e para o barranco e se a curva for para a esquerda e o piloto acionar o freio dianteiro, a moto vai invadir a pista contrária, ambas situações com grande potencial de acidente. Agora, vamos supor que no meio da curva o piloto se depare com a pista bloqueada, por qualquer motivo (acidente ou qualquer outra coisa que esteja no traçado da moto na curva). Neste caso o piloto deve buscar uma passagem segura para a motocicleta, fixar o olhar neste ponto de passagem e seguir com a menor velocidade possível. Caso a estrada esteja totalmente bloqueada o piloto deve levantar a moto (parar de fazer a curva com a moto inclinada), endireitar o guidão (deixando o guidão reto) e acionar os dois freios (dianteiro e traseiro), apertando a embreagem somente quando a moto estiver próxima de parar .

Muitos pilotos têm dúvidas quanto o que fazer com o guidão em uma curva. Virar o guidão para que lado? Motocicletas fazem curva quando estão inclinadas. A posição do guidão varia dependendo da velocidade: em alta velocidade o guidão vira levemente para o lado contrário da curva (contra esterço) e quanto menor a velocidade, mais o guidão vira para o mesmo lado da curva :

Vamos agora falar da postura do piloto quando estamos fazendo uma curva na estrada. Diferente do que alguns pensam, para se fazer uma curva na estrada com segurança, não é preciso inclinar o corpo do piloto para o lado da curva (inclinando o corpo mais do que a moto) como vemos os pilotos de MotoGP fazendo durante as corridas. Se você fizer isso, a moto vai fechar demais a curva (a não ser que você esteja em uma velocidade igual a dos pilotos de MotoGP durante uma corrida). Esta não é uma técnica segura se aplicada em estradas. Já que tocamos neste assunto (MotoGP), por que os pilotos de corrida de motocicleta inclinam o corpo mais do que inclinam a moto e para o mesmo lado? Para responder isso precisamos relembrar nossas aulas de física na escola (efeito giroscópico). No caso do MotoGP, o efeito giroscópico vai empurrar a moto para cima, pois a velocidade da roda é bastante alta. Para evitar que a moto levante e pare de fazer a curva, o piloto utiliza o peso do próprio corpo para manter a moto inclinada e continuar fazendo a curva na maior velocidade possível. Para entender melhor (ou não) o efeito giroscópico, sugiro assistirem esta vídeo aula no Youtube:

Alguns Movimentos do Corpo Rígido

Para nós pilotos comuns (ou nem tão comuns), podemos inclinar o corpo também, porém não devemos inclinar mais do que a inclinação da motocicleta. Quanto maior a velocidade, maior a inclinação do corpo (sem ultrapassar a inclinação da motocicleta) .

Agora: quando a curva for de baixa velocidade o corpo deve continuar ereto (90º em relação ao solo). Esta postura fará com que o peso do corpo haja empurrando as rodas da motocicleta em direção ao solo, gerando mais atrito e menor risco de derrapagem. Isso posto, podemos concluir que quanto maior a inclinação do corpo temos menos pressão sobre as rodas, o que pode reduzir a aderência dos pneus com o asfalto (já que não usamos pneus de corrida).

CURVAS – Lembretes e dicas importantes:

1 – A velocidade máxima para se fazer uma curva é aquela com a qual conseguiremos parar a moto completamente até aonde estamos enxergando

2 – Nunca utilize o freio dianteiro para reduzir a velocidade em uma curva

3 – O corpo do piloto não deve estar mais inclinado do que a moto.

4 – Quanto mais fechada a curva, mais baixa será a velocidade e menor a inclinação do corpo.

Sobre a Brasil Riders®

Criada em Novembro de 2015, a Brasil Riders® Motorcycle University se dedica ao desenvolvimento e aprimoramento do conhecimento dos motociclistas em manobras com sua moto e segurança no trânsito urbano e nas estradas. As técnicas e instruções são fornecidas por profissionais capacitados nos Estados Unidos e que possuem vasta experiência, conhecimento e habilidades.

Vamos ajudar o aluno a desenvolver a confiança e habilidade para conduzir sua motocicleta com segurança no dia a dia ou nos passeios de final de semana e viagens. Oferecemos cursos que variam desde o nível mais básico de pilotagem até avançados. Nossos instrutores treinam várias horas por ano, além de participar de seminários nacionais e internacionais com foco em segurança no trânsito.

Site: www.brasilriders.com.br

Facebook: www.facebook.com/BrasilRiders

Instagram: @BRASILRIDERS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


8 − quatro =