O péssimo exemplo da Red Bull e Robbie Maddison

13
1242

Você já tinha visto aqui no Best Riders que,  antes da etapa de Brasília do Red Bull X-Fighters, o australiano Robbie Maddison viveu um “Dia de Motoboy” pelas ruas de São Paulo gravando para um documentário de televisão. Na ocasião, Maddison chegou a declarar que “O que esses caras fazem com a moto é realmente indescritível!”.

Pois é, pelo vídeo divulgado agora no canal da Red Bull no You Tube, vemos a razão de tanta empolgação. Acompanhado de seu “guia” pelo caótico trânsito paulista — o motoboy Karlos Maxwell, de 29 anos — vemos que o piloto da Red Bull confundiu as ruas de São Paulo com uma pista de freestyle.

Apesar de ser muito legal ver uma estrela internacional como Maddison em uma ação promocional como essa no “quintal de casa”, não posso deixar de comentar o péssimo exemplo dado pelo piloto australiano.

Fazendo malabarismos sobre a moto em plena Av.Paulista, invadindo e saltando calçadas e pilotando como um alucinado entre os carros… para quê? O renomado piloto fez tudo aquilo que tanto criticamos e que acaba servindo de argumento (com razão) aos “especialistas em trânsito” e políticos que querem proibir as motos no corredor, colocar o número da placa no capacete, limitar a velocidade máxima das motos etc. Ser motociclista no Brasil já é um inferno, não precisamos dar mais boas razões para nos banirem das ruas de uma vez.

Até posso entender esse comportamento anti-social e suicida de gente que não estudou, de quem não tem a mínima noção do que é cidadania e de quem cresceu em um ambiente onde fazer esse tipo de coisa é sinal de masculinidade (idiotas), contudo, nunca esperaria isso de uma estrela do nível de Maddison, ainda mais diante das câmeras.

Imagina se um dia o Valentino Rossi aparece no Brasil e, como parte de uma campanha de divulgação, a Ducati empresta uma 1198 para o italiano e filma ele andando a 300 km/h em algumas estradas, tirando fina dos ônibus, caminhões e veículos. Seria uma ação inteligente? Aliás, você acha que o Rossi ou a Ducati se submeteriam a isso?

Confesso que já estou com o saco na meia da atual ditadura do “politicamente correto” e odeio gente hipócrita, mas, na minha simples opinião, a Red Bull e o Maddison perderam a mão dessa vez. Com sua fantástica produção e poder de divulgação — sim, o vídeo é belíssimo, muito bem feito e aborda um assunto interessante —, a Red Bull perdeu a chance de mostrar que nem todo motociclista é irresponsável, pior, fez exatamente o contrário.

E você, o que acha? Será que estou ficando um velho chato ou os caras exageraram na dose?

13 COMENTÁRIOS

  1. Realmente a RedBull exagerou na dose, porém não será esse vídeo que prejudicará a imagem do Brasil, quem prejudica são os próprios brasileiros (nem todos mas a grande maioria), será que a Prefeitura e a SSP viram isso? Provalvelmente…E o que fizeram? Nada…Alem da Redbull e o Robbie não serem punidos, conseguiram apresentar seu show lá no “paraíso da impunidade” Brasília.

  2. estava lendo um review no site Motorcycle.com e reparei que aconteceu o mesmo problema que neste vídeo da Red Bull. Vejam o subtítulo do teste:

    “How much is my license worth?” That’s the question I’m continually asking myself when riding this bike. As the front wheel is involuntarily pawing the sky and the rear is begging to be kicked sideways, I can’t help but answer, “apparently not much.” But I don’t care, because riding the new Aprilia Dorsoduro 1200 is worth it.”

    Ou seja, o cara não se importa em pilotar essa moto fora dos limites da lei rodoviária, porque a Dorsoduro 1200 demanda isso dele.

    Não dá para aceitar um jornalista fazendo uma apologia dessa ao crime né?

    http://www.motorcycle.com/manufacturer/aprilia/2011-aprilia-dorosduro-1200-review-91076.html

  3. Eles fizeram o que acham e o que realmente e. O Brasil e um pais aparentemente sem lei (por que lei tem) mas nao e serio( porque aqui lei nao se aplica) tanto e que a red bull tras ao Brasil um piloto profissional e fica tirando racha, subindo calcada e empinando moto na av paulista. e se esses “pilotos” matassem alguem com essas irresponsabilidades, presos nao seriam e ainda por cima o australiano iria voltar pra sua casa falando das putas que ele comeu, da caipirinha que ele tomou e rindo de um pais que e uma zona!!!

  4. Concordo plenamente com as colocações!!! Veja meu caso: consegui minha habilitação em janeiro deste ano (às escondidas) e desde então venho tentanto negociar e convencer a esposa e a família que a motocicleta não é um veículo perigoso e que o perigo está em quem a pilota de forma irresponsável.

    Pois bem. A cada dia que vemos um motoqueiro (não podemos chamar de motociclista) acidentado, volta sempre a mesma história. Tá vendo como moto é perigoso?!? E isso se afirma com as fechadas, manobras sem noção, e tantos outros “malabarismo” que os queima classe (assim os chamo) aprontam no trânsito e que só servem para aumentar a sensação que moto não presta e que motociclista menos ainda.

    Muito triste! Enquanto as pessoas não se respeitarem a ao próximo continuaremos vivendo em um país de mal educados (no sentido comportamental e não apenas acadêmico) e ouvindo sempre que ao comprar uma moto estamos comprando a morte na garupa.

    Exemplos como o da RedBull só servem para fortalecer tal opinião e nos deixar cada vez mais distantes dos ideais de liberdade e curtição que somente uma motocicleta pode proporcionar.

  5. ai naum acho q o video serviu para denegri a imagem de alguem ou uma certa classe q no caso a do motoqueiro profissional depende muito do ponto de vista de cada um isto tudo q nos vimos no video acontece ninguem nunca veio a publico com tanto fervor para critica ele veio para fazer uma gravação naum para ser um moto boy ele so vivencio esta esperiencia por um dia naum da para julgalo tudo bem q ele possa ter subido na calçada mas ele vive disso de adrenalina ele pode ter estrapolado mas tenho certeza q a intenção naum foi a de denegre a imagem de ninguem por q naum fala com toda esta avides dos nossos politicos q fazem coisas bem pior naum fazem macaquices como falaram mas em compençassão dão bananas para todos nos e naum estamos nem ai deixamos pra la se a red bull quis gravar com os moto boys aqui e por q eles acharam algo de interessante nesta categoria ja muito atacada por pessoas como vcs q muito utilizam nossos trabalhos vcs q escreveram acima estaum corretos na forma de pensar mas atacar desta forma e pura covardia naum temos q pensar ou se importar com q pensam de nos la fora temos é q fazer por nos mesmos aqui dentro quando tomarmos conciencia do nosso valor naum mas nos importaremos com o q vão falar de nos somos nos por nos e pelo nosso semelhantes a fui eu quem filmei com ele nau estou defendendo ninguem mas eu estive la e tenho certeza q tudo q vcs escreveram foi so um mau entenido e vamos la bola pra frente e um grande abraço a todos.

  6. Eae Gabriel,se você virou um velho chato por achar que o vídeo foi “infeliz” na sua mensagem,então também sou um velho chato…

    Lamentável.

    Abraço e parabéns pelo blog!

  7. Achei o artigo “politicamente correto” ou seja; extremamente demagógico; não vi nada fora do comum do quê acontece todo o dia pelas nossa ruas. Não se culpa o mensageiro pela mensagem; se acham a nossa imagem prejudicada é por nossa culpa e não pelos que a divulgam lá fora. A imagem dos motoqueiros não foi prejudicada pelo video; são os próprios motoqueiros que a fazem desta maneira

  8. Aí Bucha, você sabe que compartilhamos de opiniões quanto a esta questão. Enfim, o fato é que para os gringos, isto aqui é um grande circo. Vamos lá, barbarizar mesmo, afinal, se eles mesmos fazem isso, por que a gente também não pode, não é mesmo?
    Um povo que não se dá o respeito, abre a oportunidade de ser ridicularizado.
    Viva o voto dos analfabetos! Viva o sistema eleitoral brasileiro que produz uma classe política que é o perfeito retrato de seu povo: ignorante, tola e fútil (vide CQC).
    Se acho que a Red Bull e o Maddison são culpados? De jeito nenhum. Culpados somos eu, você e os outros 190 milhões que somos regidos por estes idiotas de plantão.

  9. É melhor deixar o “circo” sem lona, para que possamos ver de fora estas “palhaçada”. A qual, não tem nada a comparar, com os verdadeiros e queridos palhaços dos C I R C O S…

  10. Concordo em gênero, número e grau. Ridicula a Red Bull e o Maddo. Depois a imagem do Brasil lá fora é uma merda e ninguém sabe porquê, pior, ficam algumas pessoas até ficam indignadas. Enquanto isso, o gringo vem aqui e faz suas macaquices na rua e nós aplaudimos. Parabéns Gabriel pela abordagem.

  11. O video ta muito bem feito sim, mais o conteudo não, concordo plenamente com o que foi dito no texto acima, ficar fazer manobras no transito colocando a propria vida e a dos outros em risco e ainda promover essa barbaria para todo o munndo, ta errado! A Redbull tem que rever este episodio, para não prejudiar a sua imagem e não piorar a imagem dos motoqueiros no Brasil.

    Obrigado

    Victor Luckaschek

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


× 4 = oito