Nissan GT-R: um superesportivo com história

house, Super Esportivos

Nissan GT-R: reconhecido pelos fãs como Godzilla pela sua capacidade comprovada de encarar os mais poderosos adversários, o superesportivo agora vendido no Brasil marcou sua trajetória no cinema, nos games e especialmente no mundo real!

historia nissan Nissan GT R: um superesportivo com história

Fotos Divulgação

 

Nissan GT-R: um superesportivo com história

Há pouco tivemos a felicidade de noticiar que o GT-R será vendido em solo brasileiro. De fato, falar do GT-R é uma enorme satisfação a nós que somos apaixonados por velocidade, e para a Nissan, o advento do superesportivo é sinônimo de sofisticação em todo seu padrão de atendimento no Brasil. A atual versão do GT-R 2017 é muito mais bela e aprimorada, e as melhorias acrescentaram mais 20 cavalos de potência (o super esportivo conta com 572 cavalos a 6.800 rpm), como podemos ver na notícia que balançou as estruturas nesse setembro de 2016 (confira a matéria).

usain bolt Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R 2017: vendido no Brasil por encomendas, é atração confirmada em novembro no Salão do Automóvel em São Paulo.

Conhecido como Godzilla por ter se demonstrado imbativel perante outros carros esportivos de alto gabarito, não deixamos de dar atenção especial aos duelos e competições (confira alguns desses duelos aqui). Nos games, o GT-R era uma das escolhas preferidas no jogo Need for Speed. Ele também esteve presente na saga de Velozes e Furiosos. A imagem célebre de Paul Walker e o Skyline são icônicas, uma referência que certamente marcou o início do novo milênio. Mas o GT-R tem suas origens que remontam mesmo ao final da década de 50. Sua história remonta aos anos dourados (Ao final do texto, confira vídeo com as transformações do GT-R desde as suas origens).

A história não começou na Nissan. Após o fim da Segunda Guerra Mundial, a empresa Tachikawa Aircraft mudava seu nome para Fuji Precision Industries e depois, em homenagem ao príncipe japonês Akihito (que veio a se tornar Imperador), para Prince Motor Company. Em 1957, surgia o carro de nome Prince Skyline, bem longe de ser o esportivo de hoje, mas um sedã de luxo para a época. Mas o conceito Skyline teve sua pré-história aí.

prince skyline 1957 Nissan GT R: um superesportivo com história

Prince Skyline – ancestral do GT-R em 1957

Em 1964, a Prince decidiu dar ao Skyline uma configuração mais esportiva, realizando alterações no motor e desempenho. Seu motor entregava 125 cavalos de potência em sua configuração top de linha. Sendo bem sucedido nas competições de GT Racing, o esportivo recebeu o nome de Skyline 2000 GT (S54). Quando o governo japonês decidiu que as empresas automotivas precisariam ser maiores para garantir o sucesso e a expansão no mercado estrangeiro, as fusões de marca e empresa aconteceram. A Prince Motor Company veio a se fundir com a Nissan, e o Skyline teve sua evolução continuada.

skylinde decada 60 Nissan GT R: um superesportivo com história

Foi no Tokyo Motor Show em 1969 que o Nissan GT-R surgiu como a primeira versão de alto desempenho do Skyline, com o motor DOHC capaz de entregar 160 cavalos de potência. Introduzido no mercado em 1971, foi considerado semelhante aos carros de corrida produzidos em Detroit, especialmente por ter sido despojado de todo o peso desnecessário para melhoria de seu desempenho em pista.

gtr 1971 Nissan GT R: um superesportivo com história

Embora não houve um estouro de vendas devido a crise do gás em 1970, foi na década de 80 que as versões R31, R32 e R33 do Nissan Skyline marcaram época. O R31 contava com o motor DOHC com 6 cilindros em linha e entregava a potência de 210 cavalos.

skyline r31 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan Skyline R31

skyline r32 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nisan GT-R R32

O R32, retornando com a sigla GT-R, surge em 1989 com um motor twin turbo de 6 cilindros com AWD, capaz de entregar a potência de 280 cavalos, adotando novamente a sigla GT-R, que aliás, significa Gran Turismo Racing. Vale lembrar que o apelido Godzilla também foi atribuído pela primeira vez a essa versão, em uma publicação australiana sobre automobilismo chamada Wheels. Já a versão R33 teve muitas críticas quanto ao peso, o que veio a ser revisto na versão R34.

skyline r33 Nissan GT R: um superesportivo com história

GT-R 33: críticas ao peso, resolvidas na versão R34

Nissan GT-R R34 Skyline foi a versão considerada dominante, sendo produzida de 1999 à 2002. Nesse período, a versão base teve atualizações tecnológicas que tornaram o Godzilla mais agressivo e também mais caro. A princípio o motor twin turbo com 6 cilindros em linha entregava 276 cavalos de potência com AWD full-time. Um display multifuncional em LCD exibia as informações do motor bem a frente do motorista.

skyline r34 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R R34

O apogeu do Skyline R34 se demonstrou na versão preparada para o uso do ator Paul Walker, que interpretou o agente Brian O´Conner, em Velozes e Furiosos 4 (2009). O GT-R Skyline utilizado no filme estava equipado com o motor 2.6 twin-turbo de seis cilindros a gasolina, capaz de gerar 550 cv de potência, gerenciado por um câmbio manual de seis marchas, com tração nas quatro rodas (4WD). Clique nas imagens da galeria abaixo, para ver em tamanho maior.

É importante mencionar que em 2001, uma nova geração do Skyline surpreendia com um motor V6. O tradicional nome das sequências foi rompido, sendo essa versão do Skyline nomeada para V35. A ideia porém era um carro muito mais luxuoso que esportivo, que não teve a aceitação no mercado e mídia tal como as versões anteriores.

Em outubro de 2001, a Nissan apresenta o GT-R concept no Salão de Tóquio. Nele as características esportivas eram ressaltadas, o que animou o púbico que não tinha aceitado as mudanças do Skyline V35, nas quais, por exemplo, faltavam as características clássicas, como as lanternas redondas na traseira, entre inúmeras outras. Em outubro de 2005, novamente no Salão de Tóquio, um protótipo vem trazer mais luz sobre a nova versão do superesportivo, agora em vias da concretização.

gt R concept 2001 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R Concept em 2001, apresentado no Salão de Tóquio

nissan gt r prototipo Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R Protótipo, apresentado no Salão de Tóquio em 2005

Com as características clássicas que lhe trouxe o nome de R35, porém altamente inovador, o Godzilla surge mais uma vez, sendo apresentado no Salão de Tóquio em 2007. A grande inovação certamente foi o motor V6 biturbo de 3,8 litros, com 3800 cc, capaz de entregar a potência de 492 cv a 6.400 rpm. O superesportivo então era capaz de chegar a 100 km/h em 3,2 segundos.

toky0 motor 2007 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R R35 apresentado no Tokyo Motor Show em 2007

O GT-R nunca parou de evoluir. Em 2011, o R35 era atualizado com mudanças que elevaram sua potência para 537 cavalos. Na versão 2014, o GT-R passou a contar com 552 cavalos de potência.

Agora a nova versão do GT-R 2017 conta com 572 cavalos a 6800 rpm e chega ao Brasil. A análise do surgimento do GT-R desde seu passado mais remoto demonstra o caminho que a Nissan percorreu para inserir o Godzilla no mercado mundial. O GT-R se consagrou nos games, especialmente nas versões de Need for Speed, no cinema, com Velozes e Furiosos, infiltrando-se assim no desejo do público que almeja carros super esportivos.

2017 Nissan GT R 1 Nissan GT R: um superesportivo com história

Nissan GT-R 2017 – 572 cavalos a 6.800 rpm

Acertadamente, a Nissan escolheu como seu Diretor Global de Entusiasmo nada mais que Usain Bolt, o homem mais rápido do mundo, que mais uma vez angariou o ouro nas Olímpiadas, realizadas no Rio de Janeiro agora em 2016 (veja matéria). E agora é no país das Olímpiadas, que o novo GT-R é vendido por encomendas, e é atração confirmada no Salão Internacional do Automóvel, que ocorrerá entre 10 e 20 de novembro em São Paulo.

E a história não se acaba, continua mesmo agora diante de nossos olhares. O vídeo abaixo demonstra um pouco dessa saga. Confira.

Nissan GT-R Heritage

Comentário Best Riders


+ quatro = 7