Motociclista morre em protesto contra o uso obrigatório do capacete

6
2024

Uma grande ironia do destino. Durante protesto contra o uso obrigatório do capacete o motociclista Philip A. Contos, de 55 anos, morreu após frear bruscamente sua Harley Davidson 1983.

O americano voou por cima do guidão da moto e na sequência bateu com a cabeça no chão, sem capacete. O acidente aconteceu na tarde do último sábado (02.07) na cidade de Onondaga, no estado de Nova Iorque, Estados Unidos.

Policiais que socorreram a vítima disseram que Philip ainda chegou ao hospital com vida, mas não resistiu aos ferimentos. Para os policiais ele provavelmente teria sobrevivido se estivesse usando capacete.

A American Bikers Aimed for Education (Abate), associação que organizava o protesto, disse à TV local que combate o uso obrigatório de capacete por acreditar na liberdade de escolha e no fato de que os motociclistas conhecem o risco trazido por essa prática. E você, acha que o uso do capacete deve ser uma opção ou uma obrigação? Comente.

6 COMENTÁRIOS

  1. o problema é que, mesmo o acidentado sendo o maior prejudicado, ele gera gastos ao sistema público de saúde além de ocupar, em carater de urgência, um leito no hospital deixando pessoas doentes que precisariam do tratamento sem a devida assistência. o caso ocorrido ja fala por si só. alguém pagou pelo atendimento desse desafortunado requerente da liberdade. com certeza uma criança, idoso, etc. doente, sofrendo em decorrência de alguma doença como o cancer por exemplo, deixou de ser atendido por conta dessa emergência. e o mesmo desafortunado poderia estar em casa rindo de tudo isso se estivesse com a proteção. sou motociclista e sempre achei um saco usar capacete, mas não deixo de usá-lo por nada. atualmente tenho adotado o capacete até pra andar de bicicleta. quem é vivo usa!

  2. Pra que usar capacete ? pra que usar cinto de segurança em carro ? pra que ter semáforo nas ruas ? pra que carta de motorista ? que besteira tudo isso!!! devia ser facultativo, nossa os norte americanos são tão inteligentes.

  3. Felipe com certeza o numero seria maior mas eh problema de quem toma a decisao de nao usar. O fato de outro motociclista nao usar capacete nao causa nenhum problema aos q estao no transito. Em alguns estados dos EUA somente eh obrigatorio o oculos pq caso algo atinga os olhos compromete a visao e ai afeta o restante mas o capacete? Cada um q tome sua decisao. Lembro q sempre uso e nunca deixarei de usar por minha decisao mas ser obrigatorio nao concordo. Assim como nao concordo com o Andre Garcia que defende a obrigatoriedade de usar traje completo de moto: Jaqueta calca e bota… Nao vivemos na epoca da ditadura… Abs

  4. Na minha opinião se não fosse obrigatório o número de acidentes fatais seria muito maior. Ivan, Com certeza o capacete salva vidas, mas obviamente não faz milagres.

  5. Eu sou contra o uso OBRIGATÓRIO nas ruas das cidades e sim o uso FACULTATIVO.

    Deveria ser obrigatório somente nas estradas e nas marginais.

    O Capacete não salva vidas, senão não morreria tantos motociclistas na Cidade de São Paulo.

    Abs

    Ivan

  6. Eu nao deixo nunca de usar o capacete…mas eh uma decisao minha. Nao acho q deva ser obrigatorio. O americano citado tomou a decisao dele e teve suas consequencias… Mas tudo dele: decisao x consequencia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


nove − = 8