Moto elétrica Mission R: projetada para correr!

Customizada e Conceito

Moto elétrica Mission R foi projetada para correr e inovar o setor de duas rodas.

moto elétrica mission R 02 Moto elétrica Mission R: projetada para correr!

Fotos: Divulgação

Moto elétrica Mission R: projetada para correr!

Tudo mudou em 2010, ano em que o mundo do motociclismo lembrará por ser dos lançamentos de  motocicletas elétricas,  graças aos lançamentos como a  Motoczysz E1PC, Empuls e Brammo  De repente o mundo das motocicletas começou  a  olhar as elétricas como alternativas viáveis devido ao avanço da tecnologia de seus  propulsores, que deixaram de ser fracos para atingirem respeitáveis níveis de  potência.

Este é o caso da Mission R, desenvolvida pela empresa Mission Motors. A “R”  inclui uma estrutura especialmente construída para ela, que lhe permite  atingir  incríveis 160 mph, o que é fantástico para uma moto elétrica.

A moto elétrica Mission R começa a se destacar por possuir  um quadro que foi projetado desde o início para acomodar uma bateria baseada em “Powertrain” ao contrário de outras motocicletas elétricas que basicamente vão adaptar ou modificar quadros de motocicletas tradicionais os quais  acondicionam  as baterias  deixando grandes “células” de energia expostas.

moto elétrica mission r 610x406 Moto elétrica Mission R: projetada para correr!

A moto elétrica Mission R tem motor trifásico com refrigeração líquida é alimentado por uma bateria com capacidade de 14,4 kWh. Essa combinação proporciona até 141 cv e 115 lb-ft de torque, podendo atingir sua máxima de até 160 mph. De acordo com a Mission Motors, esta potência  pode ser comparada  a de uma  motocicleta convencional de 600 cc.

A Mission R conta com reaproveitamento inteligente da carga da bateria através do uso do freio, além de um moderno sistema wi-fi de comunicação para pilotos e equipes. Componentes de alta performance de nomes como Ohlins (suspensão) e Brembo (freios) somam-se aos outros pacotes que compõe  esta extraordinária motocicleta.

O piloto Steve Rapp usou a moto elétrica Mission R em 2011 no TTXGP Gran Prix de Laguna Seca, o que comprova que a Mission R é uma motocicleta preparada para corridas e estradas…

3 comments

  1. Pois é, o que nos deixa curioso é a autonomia dela, tempo de recarga da bateria e obvio, quando esta máquina estará no mercado. Eu particularmente, gostaria muuuito de ainda poder usufruir de uma máquina dessa. Quem sabe… um dia!!! Há, e o mais legal é o som do propulsor, quem ama as 4 cilindros vai demorar aceitar esse novo roooonco… sssssssssssssss.

    Responder
  2. Mas qual seria a autonomia dela?

    Responder
    • Olá Eduardo!
      Esta informação não foi divulgada.
      Att

      Responder

Comentário Best Riders


9 − = um