KTM Duke 390 é finalmente apresentada na Europa

11
734
KTM

Fotos: Divulgação

A marca austríaca KTM finalmente divulgou a nova Duke 390, trata-se da aposta da marca para o segmento de motocicletas de baixas cilindradas. Com um motor de 373 cm³ monocilíndrico, ela é capaz de gerar 43 cv de potência com peso seco de 139 kg. O sistema de freios possui ABS opcional da marca Bosch, e pinças de freio Brembo. O conjunto de suspensões é da WP.

A moto da KTM será construída na Índia junto à Bajaj, uma das maiores acionistas da marca. Com o novo lançamento da empresa, a marca completa o “ciclo” de motos de baixa cilindrada com os modelos Duke 125, 200 e 390. O preço ainda não foi divulgado e a previsão é que ela chegue às concessionárias KTM a partir do início de 2013.

11 COMENTÁRIOS

  1. Preço bastante elevado!! Sou bastante fã de moto, mas independente de ser ktm ou honda ou bmw, acho que deviam olhar era para o cliente, mas infelizmente fica difícil. A muitas motos ai com a qualidade superior em questão de peças e serviços bicilindricas e de maior confiança.. ktm e marca na europa onde oferece mao de obra qualificada e bem treinada para dar manutencao em seus produtos.. agora mim diz ai se podemos ter alguma confianca quando uma KTM dessa for para uma autorizada dafra, será que poderá recebe-la rápido de volta e com a garantia de uma bom serviço??.
    Contudo fico com a opção da nova cb 500 para mim e muito mais moto.

  2. Engraçado, o Brasileiro daria 20 mil em uma monocilindrica de 390 cc de 43cv, mas não dá 21 mil numa 650 cc bicilindrica de 81 cv, tudo em nome da marca. No caso a marca da 650 cc é kasinski gt 650. Afinal, que país é esse?

      • Pois é, é o que eu disse, afinal, qual a “grande” diferença de uma marca para outra, se o motor desta KTM é feito na china? Tudo bem que a KTM é uma marca tradicional, mas vale tudo isso mesmo? Acorda…

    • Da mesma forma que tem gente que paga 30 mil numa BMW 600 monocilíndrica com uma razão bem simples: Qualidade e garantia de moto.

      Se chutar uma moita, saem 10 reclamações sobre a Kasinski.

      Quantos donos de BMW tu vê reclamando? Da mesma forma, KTM é garantia de moto pra não se incomodar e convenhamos, com esse conjunto de 6 marchas, refrigeração líquida, 43 CV e só 139kg, essa moto é um foguete em duas rodas além de provavelmente ser econômica em velocidades mais elevadas.

      Coisa que nenhuma Hornet, Comet ou Ninja consegue ser…

      • Não estou defendendo marca não, o que eu estou levantando é se existe realmente esta discrepância de valores, os preços praticados aqui são exagerados.
        Se é uma marca boa ou ruim eu não sei, mas pelo menos a kasinski cobra o menor preço do mercado, talvez um preço “justo” pelo seu produto.
        Dinheiro não dá em árvore.
        E se a KTM vier, como será a sua pós venda?

        • De que adianta custa um preço justo se a qualidade é injusta. Kasinski tem uma das piores manutenções do mercado. E quanto tudo fabricado na China, pelamor de deus né… Hiphone e Iphone são todos fabricados lá, mas o controle de qualidade é diferenciado. Assim como BMW tb tem motor de moto fabricado na china, é muito superior do que os da Loncin por exemplo. O custo está no controle de qualidade. Mas no final das contas concordo com você que os preços estão exagerados.

  3. Sou fã das KTM, mas sinceramente….elas já estão virando lenda no Brasil….até parece que eles não querem entrar no nosso mercado, ou estão sendo restringidos por algum outro grupo…
    To com a grana guardada para a Duke 200 a um tempo e até agora, nada!
    Pelo menos está rendendo! xD

  4. Que maravilha!! E a moto ideal pra cidade e viagens de fim de semana,por 20 conto eu seria um dos primeiros compradores,pra quem nao pode comprar uma ducati essa estaria de bom tamanho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


+ sete = 10