Esquadrão Flecha. Quem são?

1
2178
Esquadrão Flecha
Esquadrão Flecha

Assim estão se denominando o trio de Youtubers Gisele Favaro, SekuMello e Rafael Togni ambos com seus canais conexão duas rodas, moto rede e canal 4 canecos.

Os três compartilham da mesma paixão o motociclismo, e de muitos, claro como nós da Bestriders.

E quem escreve esta matéria sou eu Juliana (jubestriders) apaixonada por motociclismo.

O Porque fazer esse texto?

O mundo duas rodas para quem acompanha está repleto de opções , muitos outros youtuber, revistas digitais como a Bestriders , mas esses três se destacam no meu ponto de vista, Amigos com canais diferentes , morando em regiões diferentes , Gisele se encontra em Belo Horizonte, SekuMello em Itajaí  e Rafael em Poços de Caldas , em muitas de suas lives e vídeos eles contam como se conheceram e como foi a primeira aventura deste trio juntos.

Por que esses três?

Eles levam a informação aos seus canais com leveza e brincadeira, nada de inimizade, concorrência e sim de transparência e muita amizade acima de tudo, os vídeos descontraídos e o dia a dia bem parecido como os nossos reles mortais são passados por eles.

Gisele hoje pilota nas ruas a Cheetara sua CB500X , SekuMello também com uma CB500X e Rafael com sua MT09 (Thanos ).

Durante a semana Gisele e Rafael trabalham em suas respectivas profissões e se transformam em youtube de final de semana, correria de gravações, edições de vídeos, passeios e até mesmo os lançamentos de motos que são convidados para participar.

Já Sekumello trabalha na produção de conteúdo pro site Motorede (criado há 10 anos) e pro canal no Youtube diariamente de forma integral, produtor e criador de conteúdo. Ele se considera o mais “velho” nesse meio digital enquanto Gisele e Rafael começaram há pouco mais de um ano, focando mais no youtube depois de terem feito a primeira viagem juntos onde precisaram trocar várias ideias sobre produções e conteúdo para seus seguidores.

Destino o Chuí: localizado no extremo sul do Brasil a cidade mais meridional do país, fazendo fronteira com a cidade do Chuy, no Uruguai.

Essa aventura pode ser encontrada nos canais deste trio, pois recentemente este foi o assunto de suas ultimas lives.

De: Gisele Favaro.

 Nascida e criada no interior de Minas Gerais, desde menina tive minhas aventuras pelas fazendas dos meus familiares e vizinhos, onde cada pisada de pé para fora de casa se transformava numa expedição onde desbravava possível rotas e locais “inóspitos”.

Este espírito aventureiro continuou com o passar dos anos de formas diferentes. Na prática de esportes por 12 anos viajando o sudeste do Brasil com o time de Handebol da cidade, nas viagens com os amigos para os eventos de rock’n roll e acampamentos que surgissem e nas viagens a trabalho como bartender pelo sul de Minas Gerais levando diversão e ousadia.

Com todas essas formas de me aventurar pude aprender e curtir muito, mas sempre faltava algo para completar todos esses momentos, algo que fizesse a diferença, algo que me fizesse ser quem sou na forma mais plena e absoluta. Foi aí que aos 26 anos o motociclismo surgiu e completou toda aquela ânsia de descobrir o mundo.

E é com essa ânsia que entrei para o mundo duas rodas, viajando e participando de diversos eventos, e para o mundo digital, com a criação de uma página no instagram e o quadro SEM MIMIMI no Canal 4 Canecos, e agora com o recente canal Conexão Duas Rodas, para mostrar todas essas aventuras de um jeito único, sendo eu mesma, a menina do interior de Minas que quer desbravar o mundo com sua moto.

@giselefavaroadv

De: Lionel Bruno Mello:

Sou Lionel, mais conhecido como Sekumello, herdei o gosto pelas motos desde pequeno. Quando criança, mal sabia ficar em pé direito, fui acostumado a andar sentado no tanque da moto do meu pai, segurando no guidão, como se tivesse pilotando (anos 90 né, podia tudo rs). Então posso dizer que sou motociclista desde criancinha… Outra história que me deu gosto pelas motos, essa mais folclórica, foi quando soube que meu pai e meu tio viajaram até outro país nos anos 70 para comprar uma  moto, indo de ônibus, apenas com o dinheiro da moto e roupa do corpo, e voltaram pilotando ela para casa. Desde então a moto esteve presente em nossa família como objeto para uso diário, viagens e, claro, para trabalho. Tenho carteira de motorista há 17 anos, mas piloto motos a um pouquinho mais de tempo (rs). Também já possuí diversas motos, mas a primeira foi um marco, pois não tinha CNH na época e troquei em meu querido vídeo-game. Atualmente possuo uma CB 500 X da Honda que uso para minhas Viagens.

Com todo esse envolvimento com o mundo das motos seria quase natural trabalhar com algo nesse sentido. Sempre fui envolvido com tecnologia, quando há cerca de 10 anos atrás eu fazia curso de Webdesign, meu pai era diretor de um Moto Grupo e eu resolvi fazer um site para colocar as fotos das reuniões deles. No site não demorou até que eu começasse a colocar eventos e outros conteúdos além das fotos. Em menos de 2 meses eu já havia criado e registrado o domínio MotoRede, com a ideia de criar uma Rede de Notícias Sobre Motos e comecei a escrever artigos sobre os lançamentos no mundo de duas rodas. Logo já desenvolvi gosto por isso e o site foi crescendo até hoje ser reconhecido pelas gigantes fabricantes como Honda e Yamaha, que me chamam para testar seus lançamentos antes de começar as vendas no país.

@sekumello

De: Rafael Togni

Sou o Rafael Togni, dono da Thanos, minha querida Yamaha MT 09 de cor roxa.

Meu gosto por motos apareceu tarde, com 18 anos. Eu e meu melhor amigo (Carlos) arrumamos estágio remunerado na faculdade participando de projetos de iniciação científica. Nossa idéia era juntar o dinheiro e comprar 2 motos no final dos estágios, porque era o único veículo que conseguiríamos comprar.  Na época a gente ganhava R$ 400,00 por mês, com o contrato sendo validado durante 10 meses, no final de tudo teríamos R$ 4000,00. Porém, faltando 2 meses pra completarem os 10 meses, meu amigo sofreu um acidente de carro e faleceu com 22 anos de idade. Nesse momento minha prioridade se tornou realizar nosso sonho, e foi aí que comprei minha primeira moto e me apaixonei por esse mundo das duas rodas.

 Moto após moto fui conhecendo pessoas, fazendo amigos e participando de grupos de viagens. Em paralelo eu ia fortalecendo meu hobbie de editar vídeos, na época eu criava vídeos praticando esportes radicais como Mountainbike e Wakeboard. Logo que saí do HOG (Harley Owners Group) o motoclube da Harley Davidson, eu resolvi juntar minhas duas paixões, motos e criação de vídeos. Assim surgiu o Canal 4 Canecos (na época o Canal 2 Canecos devido ao motor V2 da minha Harley Davidson).

@rafaeltogni

Uma rotina muito louca não acha? Por aqui também passamos por isso, e pensando em trazer sempre o melhor para os nossos leitores decidi compartilhar com vocês outros nomes e histórias. Ainda não os conheço pessoalmente, mas estou torcendo para um encontro revista e o trio.

Será? E aí trio topam um encontro Bestriders e esquadrão flecha?

1 COMENTÁRIO

  1. Muito obrigado por falar do Esquadrão Flecha e por essa matéria sensacional, foi um prazer trocar uma ideia com vocês e que venha um encontro com todos juntos pra que possamos rodar um pouco de moto por aí kkk Abraço e sucesso!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


2 + = quatro