Casey Stoner vence em Laguna Seca e abre vantagem na luta pelo título

0
289

Diante de  52 000 espectadores, Casey Stoner voltou ao topo do pódio e confirmou que é o franco favorito para levar o título da MotoGP 2011. O piloto da Repsol Honda não deu chance aos rivais na famosa pista de Laguna Seca, na Califórinia, e com um ritmo alucinante na metade final da prova, ganhou com certa folga o GP dos Estados Unidos.

O jovem australiano, que partiu da segunda posição no grid, caiu para terceiro logo na largada e demorou 18 voltas para atacar, e passar, o companheiro de equipe Dani Pedrosa. Depois de passar Pedrosa, que ainda luta contra problemas físicos, o australiano foi atrás de Lorenzo.

Na 27ª das 32 voltas da corrida, Stoner deu o bote no atual campeão mundial, passou o espanhol por fora na curva 1, assumiu a ponta e rapidamente abriu uma diferença confortável, terminando com cinco segundos e meio de vantagem sobre o espanhol.

Lorenzo (1) e Pedrosa (25) completaram o pódio. Dovizioso (4) foi superado no final por Spies (11)

Com a quinta vitória na temporada, Stoner tem agora 20 pontos de vantagem sobre Lorenzo no campeonato. O esforçado Pedrosa acabou em terceiro, garantindo assim o segundo pódio consecutivo e a quarta posição na tabela do campeonato.

Andrea Dovizioso, que largou muito bem e pulou do sexto para o quarto lugar já na primeira curva, manteve a posição durante a maior parte da corrida, mas, a três voltas do final, foi ultrapassado por Ben Spies e terminou em quinto. Ainda assim, o italiano da Repsol Honda segue em terceiro no campeonato, com 143 pontos.

A dupla da Ducati veio logo a seguir com Valentino Rossi em sexto e Nicky Hayden em sétimo. O italiano apresentou bom início de corrida e se manteve no grupo da frente por várias voltas, mas não conseguiu acompanhar o ritmo mais forte dos rivais e acabou em sexto.

Chegando em oitavo, Colin Edwards (Monster Yamaha Tech 3) terminou na mesma posição que largou, seguido de Héctor Barberá — que comemorou ser 150º GP —, e Hiroshi Aoyama (San Carlo Honda Gresini), que fecharam a lista dos dez primeiros.

Simoncelli (58) mais uma vez caiu. Alvaro Bautista (19) também não completou

Apesar de terem rodado entre os top 10 durante boa parte da corrida, Marco Simoncelli (Honda Gresini) e Alvaro Bautista (Rizla Suzuki) caíram e não completaram a prova. Não houve maiores consequências físicas para os pilotos.

A próxima (e 11ª) etapa do Mundial acontece no dia 14 de agosto em Brno, na República Tcheca.

Resultado GP dos Estados Unidos – MotoGP

1 Casey STONER AUS Repsol Honda Team Honda 43'52.145
2 Jorge LORENZO SPA Yamaha Factory Racing Yamaha +5.634
3 Dani PEDROSA SPA Repsol Honda Team Honda +9.467
4 Ben SPIES USA Yamaha Factory Racing Yamaha +20.562
5 Andrea DOVIZIOSO ITA Repsol Honda Team Honda +20.885
6 Valentino ROSSI ITA Ducati Team Ducati +30.351
7 Nicky HAYDEN USA Ducati Team Ducati +31.031
8 Colin EDWARDS USA Monster Yamaha Tech 3 Yamaha +45.502
9 Hector BARBERA SPA Mapfre Aspar Team MotoGP Ducati +51.549
10 Hiroshi AOYAMA JPN San Carlo Honda Gresini Honda +1'08.850
11 Karel ABRAHAM CZE Cardion AB Motoracing Ducati +1'09.132
12 Loris CAPIROSSI ITA Pramac Racing Team Ducati 1 Volta
13 Toni ELIAS SPA LCR Honda MotoGP Honda 1 Volta
Não Completaram
Alvaro BAUTISTA SPA Rizla Suzuki MotoGP Suzuki 19 Voltas
Ben BOSTROM USA LCR Honda MotoGP Honda 24 Voltas
Marco SIMONCELLI ITA San Carlo Honda Gresini Honda 26 Voltas
Cal CRUTCHLOW GBR Monster Yamaha Tech 3 Yamaha 29 Voltas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui


seis × = 18