BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Notícias

As aventureiras médias da marca alemã têm design, ciclística e motor inéditos para acirrar a briga no segmento de bigtrail

BMW F850 F750GS 1 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Novas BMW F 850 GS (à esq.) e F 750 GS chegam ainda neste ano ao Brasil

TEXTO: Arthur Caldeira / Agência INFOMOTO
FOTOS: Divulgação

Completamente renovadas, BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Nesta semana, a BMW confirmou as novas F 750 GS e F 850 GS para o Brasil. Os dois modelos serão montados pelo sistema CKD na planta da marca em Manaus (AM) e devem chegar às lojas no último trimestre deste ano. Mais do que uma nova geração, as duas aventureiras médias são motos novas. Além do design, motor, quadro, rodas e suspensões são inéditos.

BMW F850 F750GS 2 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

F 750 GS (à esq.) e F 850 GS são completamente novas

“Não há uma única peça dos modelos anteriores nas novas F 750 GS e F 850 GS”, revelou Dorit Mangold, gerente de produtos da BMW Motorrad, na apresentação durante o Salão de Milão no ano passado. O objetivo da fábrica alemã foi deixá-las ainda mais versáteis, seja para uma longa viagem pelo asfalto ou para uma aventura fora-de-estrada. Conheça em detalhes as novas BMW.

BMW F850GS 6 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Novo conjunto óptico da BMW F 850GS tem iluminação diurna e farol de LED

Motor maior e mais potente

Os engenheiros tinham o objetivo de criar um motor com mais potência e torque. Mantiveram apenas a arquitetura bicilíndrica, mas mudaram tudo internamente. O virabrequim a 90 graus e o novo intervalo de ignição (270° e 450°) alteraram o som e a entrega de torque do propulsor. Dois novos eixos contrabalanceiros foram os responsáveis por diminuir as vibrações, comuns no antigo propulsor com virabrequim a 360 graus.

O novo propulsor DOHC, com quatro válvulas por cilindros e refrigeração líquida teve sua capacidade aumentada para 853 cm³ (contra os 798 cm³ do modelo anterior). A taxa de compressão também aumentou para 12,7:1. A potência aumentou de 85 cv a 7.500 rpm para 95 cv a 8.250 rpm na F 850 GS. O torque também cresceu: 9,4 kgf.m já a 6.250 giros. De acordo com a BMW, a velocidade máxima é superior aos 200 km/h.

BMW F850 F750GS 3 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Novo motor bicilíndrico tem 853 cm³ de capacidade: mais potente e com menos vibrações

BMW F850GS 4 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

BMW F 850 GS ficou mais potente: agora oferece 95 cv a 8.250 rpm; torque é de 9,4 kgf.m a 6250 rpm

A F 750 GS usa o mesmo motor, mas com desempenho “contido”. São 77 cv de potência máxima a 7.500 giros e 8,4 kgf.m a 6.000 rpm. No modelo mais estradeiro, a velocidade chega aos 190 km/h.
Outra novidade do conjunto motriz é a embreagem anti-deslizante. A transmissão final continua sendo feita por corrente, mas o conjunto foi reposicionado do lado esquerdo da moto.

BMW F850GS 7 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Motor só manteve a arquitetura bicilíndrica: internamente é tudo novo

Ciclística mais robusta

Para oferecer mais rigidez torsional, a BMW trocou o quadro em treliça por um de dupla trave superior em aço com o novo motor fazendo parte da estrutura. Outra importante mudança na parte ciclística é a colocação do tanque em uma posição mais convencional, entre a coluna de direção e o assento. Anteriormente, ele ficava sob o banco na parte traseira das motos da linha F.

A capacidade foi reduzida de 16 para 15 litros. Uma má notícia para quem faz longas viagens, mas a BMW garante que o menor consumo do novo motor compensa a redução.

A geometria de todo o conjunto ciclístico também foi alterada para obter um melhor centro de gravidade e distribuição de peso. O ângulo da coluna de direção ficou menor e a distância entre-eixos aumentou. O objetivo foi deixar as novas F 750/850 GS mais ágeis, porém sem comprometer a estabilidade em altas velocidades.

Com uma proposta mais off-road, a F 850 GS ganhou garfos invertidos com tubos de 43 mm e 204 mm de curso. Já a 750 GS usa garfo telescópico convencional com curso de 151 mm. A balança traseira agora tem um monoamortecedor centralizado com curso de 219 mm e mola progressiva na F 850; na outra versão, o curso é de apenas 177 mm. O sistema de ajuste eletrônico das suspensões é opcional apenas no modelo mais aventureiro.

BMW F850GS 2 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

BMW F 850 GS tem suspensão invertida na dianteira e balança monoamortecida na traseira

O que mais diferencia os dois modelos são as rodas. A F 750 GS, mais baixa, usa rodas de liga-leve, aro 19 na dianteira e 17, na traseira. Já a 850 GS conta com rodas raiadas, agora com raios externos, de 21 polegadas na frente e 17, atrás, calçadas com pneus sem câmara – um detalhe que a diferencia de outras aventureiras do mesmo segmento.

BMW F850GS 5 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

Rodas raiadas com pneus sem câmara e suspensões de longo curso evidenciam proposta off-road da F850

Os dois discos do freio dianteiro ficaram maiores com diâmetro de 305 mm e pinças de dois pistões flutuantes. Na traseira, o mesmo disco de 265 mm com pinça única. O sistema ABS é de fábrica e pode ser desligado.

Eletrônica e equipamentos

Por falar em controles eletrônicos, as novas motos têm acelerador eletrônico, dois modos de pilotagem (Road e Rain), controle de estabilidade (ASC), além dos freios anti-travamento como itens de série. Entretanto, a BMW oferece pacotes mais completos.

A F 850 GS pode ganhar mais três modos de pilotagem, juntamente com um controle de tração dinâmico (DTC) e ABS otimizado para curvas.

A eletrônica mais avançada é oferecida juntamente com um novo painel digital de TFT, totalmente colorido, semelhante aos da R 1200 GS. O painel oferece conectividade com o smartphone e sistema de navegação próprio.

A iluminação também mudou. O farol dianteiro agora é de LED e ganhou novo desenho – aliás, como toda a moto. A iluminação diurna de LED é opcional.

Quando chega ao Brasil?

A BMW já confirmou a produção das novas F 750 e 850 GS no Brasil, mas ainda não precisou uma data de quando os modelos começam a ser vendidos. Segundo o comunicado da empresa, a montagem se inicia no último quadrimestre de 2018.

As novas aventureiras alemãs, portanto, devem ser lançadas no último trimestre deste ano. A marca também não informou qual será a configuração dos modelos vendidos aqui.

Caso siga a estratégia atual, a F 750 GS, modelo de entrada, deve chegar em sua configuração standard. Já a F 850 GS pode vir mais equipada para brigar com a nova Triumph Tiger 800 XCx.

BMW F850GS 3 2018 BMW F 750 e F 850 GS chegam ao Brasil no final do ano

BMW F 850 GS deve chegar em versão completa para enfrentar Triumph Tiger 800 e Honda Africa Twin

Atualmente, a F 700 GS é vendida por R$ 39.950. Já a F 800 GS que tem suspensão eletrônica, banco conforto e tecnologia avançada custa R$ 45.900. Os novos modelos certamente deverão ter um acréscimo de preço.

Comentário Best Riders


− cinco = 2