138 milhões de motos elétricas nas ruas e estradas do mundo em 2017.

Notícias, Últimas
article image small653 138 milhões de motos elétricas nas ruas e estradas do mundo em 2017.

Moto elétrica

 

De acordo com a projeção de mercado feita pela Piker Research, empresa de consultoria americana com sede em Washington DC, em 2017 circularão pelas estradas do mundo cerca de 138 milhões de motos elétricas do tipo scooters.

Com base nos altos preços dos combustíveis fósseis, que crescem a cada dia que passa, e nos incentivos governamentais dados para a compra de veículos elétricos, a consultoria prevê que muitas pessoas irão optar por motos movidas a energia elétrica nos próximos anos. Além disso, a tendência é que os preços caiam, pois quanto mais unidades forem vendidas mais baratas as motos ficam.

Atualmente o comércio deste tipo de moto é feito quase que exclusivamente nos países asiáticos, mas isso irá mudar em breve de acordo com a Piker Research. Na Europa e nos Estados Unidos o aumento dos combustíveis está obrigando que cada vez mais pessoas troquem seus atuais veículos por outros mais econômicos. Do jeito que as coisas andam por aqui no Brasil, logo o mercado nacional também abrirá as portas para as motos elétricas.

De acordo com as previsões da Pike Research, de cada 7 motos elétricas a serem fabricadas 6 serão do tipo scooter. Atualmente estima se que rodem pelo mundo cerca de 17 milhões de motos movidas à eletricidade e esse número deve aumentar drasticamente em curto espaço de tempo.

Segundo Dave Hurst, especialista da empresa, “as motos e scooters elétricas têm um forte apelo nos consumidores. São relativamente baratas para comprar, não ocupam muito espaço e são fáceis de manter. O que as tornam muito interessantes para quem mora nas grandes cidades. Os Governos também gostam deste tipo de veículo, pois aproveita a atual rede elétrica, ajuda a eliminar os problemas de congestionamento e ainda reduz as emissões de poluentes dos automóveis convencionais.”

Comentário Best Riders


três × 1 =